Como Será Uma Cidade Do Futuro

959Observação: Trabalhar na Internet e na pandemia do coronavírus que se espalhou pelo planeta está tornando a vida urbana obsoleta. Muitos especialistas acreditam que as cidades podem desaparecer e se tornar cidades fantasmas.

Meu Comentário: Pessoalmente, eu acho que ainda está muito longe. A criação das cidades foi necessária para aproximar as pessoas e organizar melhor suas vidas. Eu acho que as pessoas vão começar a entender como devem se comportar umas com as outras, como remodelar toda a sua comunidade, até mesmo a comunidade mundial, para que tudo seja bom e conveniente para as pessoas.

Pergunta: Há muitos exemplos na história em que cidades gigantes, cidades bem-sucedidas, no auge da civilização entraram em colapso por causa do crescimento de ambições internas, orgulho e outros relacionamentos negativos. Então demorou muito para restaurar não apenas cidades, mas civilizações inteiras.

O que ajudará as cidades a passar pelo estágio de destruição e decadência agora?

Resposta: Eu acho que não será destruição ou decadência, mas expansão. As cidades vão se expandir.

Pergunta: Após a desindustrialização, governos e prefeitos investiram no desenvolvimento dos serviços da cidade. Em que o governo e os líderes da cidade devem investir agora? Devem investir na cidade ou nas pessoas?

Resposta: Antigamente nós vivíamos em cavernas e éramos muito próximos, uma enorme família de várias dezenas ou mesmo várias centenas de pessoas. Então, tudo isso aos poucos começou a se dispersar, transformou-se em aldeia, a aldeia se transformou em cidade e assim por diante. Ou seja, gradualmente nos afastamos fisicamente um do outro.

Depois houve a divisão em profissões, em especializações, e isso também nos alienou uns dos outros. Acontece que em algum lugar há um hospital, em algum lugar há uma escola, em algum lugar há uma fábrica e em outro lugar há pastagem e agricultura. E assim nos afastamos cada vez mais um do outro.

O seguinte processo está ocorrendo hoje. Vemos que a distância não é um obstáculo para nós. Estamos em tais conexões virtuais que não é um problema de forma alguma.

Pergunta: Esse afastamento forçado terá um impacto no afastamento interno das pessoas umas das outras?

Resposta: Enquanto estou pensando em como não ser infectado, será difícil para mim sair e me comunicar com outras pessoas. Mas assim que eu começar a pensar em como não infectar outras pessoas, será fácil para mim e não haverá mais fronteiras. Poderemos ficar juntos na cidade, no campo, em qualquer lugar.

Pergunta: Em um dos programas você disse que os muros de Jerusalém eram construídos de tijolos, mas aqueles tijolos representavam os desejos do homem, e que uma cidade costumava ser uma espécie de proteção, um bastião para um homem, tanto para o seu interior como para a sua sensação externa.

O que é uma cidade do ponto de vista da Cabalá? O que ela carrega dentro de si? Por que as pessoas ainda querem ficar em uma cidade e construir uma nova cidade?

Resposta: Aqui estamos atingindo um estado espiritual especial. Uma cidade significa um assentamento de pessoas que se cercam com uma relação especial com a natureza, com a realidade, com a criação, com o Criador. E assim elas são, por assim dizer, protegidas pelos chamados muros. Posteriormente, elas começaram a construir muros ao redor das cidades na prática.

Em geral, um muro é nosso desejo comum de estarmos juntos e deter aqueles que se opõem a nós. Então o muro, em princípio, era espiritual. Em seguida, elas começaram a construir muros de pedra, bastiões e assim por diante.

Portanto, uma cidade é um símbolo do fato de que nos limitamos a nos conectarmos uns com os outros e não queremos admitir nada estranho a essa conexão.

Portanto, existe uma cidade cercada por um muro. Do ponto de vista espiritual, é uma comunidade de pessoas que se conectam e sentem como estão interconectadas. Ao redor da cidade existem até certas distâncias, que uma pessoa meio que passa longe de si mesma: 70 metros e depois 2.000 metros. Assim, a cidade se protege de quaisquer influências, pensamentos e desejos estrangeiros. Ela vive sua vida interior. Isso é chamado de “cidade”.

Pergunta: O que significa que uma cidade protege seus habitantes de desejos e pensamentos estranhos (estrangeiro)? Quem é um “estranho”?

Resposta: Dentro de uma cidade pensamos apenas na ajuda mútua, e um estranho (estrangeiro) não quer atuar dessa forma, estar conectado com todos e, portanto, não o deixamos entrar.

Eu acho que no futuro a cidade deixará de existir porque o conceito de cidade está se espalhando por todo o mundo. As pessoas estarão em boa conexão umas com as outras. Então todos os tipos de fronteiras entre Estados, territórios e cidades desaparecerão. Viva onde quiser. Você pode ir a qualquer lugar e ter qualquer tipo de conexão com outras pessoas. E todas vão entender você e você vai entendê-las. Eu gostaria de ver um futuro assim.

Pergunta: O que é necessário para que uma pessoa queira desistir de sua identificação, de sua cidade, de seu pedaço de terra?

Resposta: Ela simplesmente sentirá involuntariamente que está em seu lugar em todos os lugares. Isso é tudo. Não haverá necessidade de cercar, não haverá, “eu fico na minha área e você na sua; eu tenho um certo círculo social, e você tem outro”. Todos podem se desenvolver silenciosamente em qualquer lugar.

Observação: Vemos, ao contrário, que agora existe um confronto entre países e até entre algumas cidades.

Meu Comentário: Isso ainda acontece porque estamos passando por um período de compreensão do mal de nossa natureza. Então isso vai parar. Simplesmente, entenderemos que isso é mau e que precisamos nos elevar acima dele para a comunicação universal, mútua e correta, para o bem universal.

Pergunta: Já existiu uma cidade ideal da qual os Cabalistas falaram?

Resposta: Havia várias dessas cidades em Israel. Elas são Safed, Tiberíades e Jerusalém.

Pergunta: O que havia de tão valioso nelas que unia a cidade e seus habitantes, pelo que eram chamados de ideais?

Resposta: As pessoas sentiam sua conexão interna entre elas e com o Criador. Teremos que construir a mesma cidade em todo o mundo, na qual todos os residentes se sintam próximos uns dos outros em espírito e se entendam. E não fará nenhuma diferença onde eu morar, em que área, urbana ou rural.

Pergunta: O que você desejaria às pessoas que agora estão deixando as cidades pelo campo, se afastando umas das outras? O que elas devem fazer: Parar? Pensar? Em quê?

Resposta: Não hesitem, saiam! Isso é o que posso dizer a elas. Vocês não perderão nada porque qualquer cidade hoje é um terreno fértil para o mal. Afastem-se disso e vocês encontrarão a bondade. Vocês ficarão mais perto da natureza e se tornarão melhor.

De KabTV, “Notícias com Dr. Michael Laitman”, 17/08/20

Comente