Devemos Abrir Os Jardins De Infância E As Escolas?

592.04Pergunta: Atualmente há preparativos para reabrir as escolas e os jardins de infância. Os pais temem que seus filhos sejam infectados e o tragam para casa. Os professores temem que as crianças infectem os professores e estes o tragam para casa. Você acha que talvez seja mesmo possível não abrir as escolas, não abrir os jardins de infância?

Resposta: Eu não abriria nada agora; eu gostaria apenas de transferir todas as aulas para a Internet. As crianças aceitam isso com muita facilidade. Elas navegam em todos os tipos de páginas virtuais o tempo todo.

Dê-lhes tarefas e ensine-as pela Internet. Existem ótimos materiais, o que você quiser. Dê-lhes designações e, ao mesmo tempo, prepare-as com elas. Faça testes todos os dias e assim por diante. Resumindo, tudo depende apenas de nós.

Pergunta: E quanto à comunicação física das crianças umas com as outras?

Resposta: A comunicação física das crianças pode ser exatamente assim, para que as crianças se encontrem e se comuniquem fisicamente umas com as outras. Elas não precisam disso para as aulas. Cada uma estuda sozinha com um caderno, um quadro-negro e um professor. Tudo isso elas têm no computador.

Pergunta: O que devemos fazer com jardins de infância e creches? Afinal, as mães vão trabalhar.

Resposta: Deve ser feito de forma muito simples: ensinar as crianças a se exercitarem via TV ou computador, a fazerem algum tipo de lição de casa, a se comunicarem com animais virtuais, pessoas e assim por diante. Ou seja, cultive habilidades de comunicação virtual nelas.

Pergunta: Você também colocaria as crianças em idade de jardim de infância na frente da tela?

Resposta: Claro. Imagine um menino que você colocou dentro de um avião! Ele se senta em frente a esses interruptores e o piloto se senta ao lado dele e lhe ensina como operá-los. Que perspectivas se abrem para ele! Você tem alguma ideia do que está fazendo por uma criança?

Podemos fazer o mesmo com um navio, com submarinos. Este não é um filme que você mostra a eles sobre outras pessoas, mas ele próprio participa dele de forma interativa. Ele pode até se tornar um cirurgião se quiser: ele ouve os batimentos cardíacos e como tudo acontece.

Torne tudo interativo, faça com que seja a vida dele! Então, quando ele se torna um adulto, ele entende o que está acontecendo.

Imagine-se como um menino, como isso capturaria você!

Cabe a você escolher a profissão que deseja. Você pode acompanhá-los em todas as profissões dessa maneira. Mostre a eles tudo que existe! Torne-o interativo, como se eles estivessem na floresta correndo atrás de um lobo ou pegando algo, se comunicando com alguém.

Pergunta: Você substituiria todos esses jogos de matar e capturar por jogos positivos e educacionais?

Resposta: Claro! Você desenvolve uma pessoa! Ela passa por tudo isso e aprende com isso.

Pergunta: Você cancelaria todas essas guerras que enchem a Internet?

Resposta: Com certeza! Absolutamente tudo o que existiu antes de hoje.

Pergunta: Você acha que o efeito deles é terrível?

Resposta: Não há nada de bom neles! Precisamos fazer apenas programas interativos para crianças para que sintam que estão entrando na vida. Esses programas teriam que ser corretos.

Então você criaria as pessoas da maneira que gostaria que fossem. Eu mostraria para as meninas como cuidar de um bebê, com fralda e assim por diante. Como levar crianças para passear. Aqui ela vai passear com um bebê e se olha de fora. Ou mesmo não de fora – ela olha como se viesse de dentro de si mesma e vê tudo isso. Esta é a vida!

Pergunta: Então, vamos tocar no terceiro fator, a creche. Até que idade uma mãe deve ficar com um filho? Ela deveria ser paga por isso, não para trabalhar, para não ser enviada a qualquer lugar? Normalmente mandamos uma criança para uma creche a partir dos seis meses de idade, se não antes.

Resposta: Até a idade de 12 a 13 anos.

Pergunta: Devemos pagar à mãe para ficar em casa com a criança até ela completar 12 ou 13 anos?!

Resposta: Sim.

Pergunta: Estar com uma criança que já é adulta?

Resposta: Sim. Se for menina, ela estará com a mãe, estará ajudando e saberá como tudo é feito. Então, quando se tornar uma jovem, uma noiva, uma mulher, ela ficará bem, saberá o que precisa ser feito e como é feito, e não estará chamando sua mãe, “Mãe, como eu faço mingau?”

Pergunta: É o mesmo para um menino? Ele também deve ficar com sua mãe até uma certa idade?

Resposta: Haverá um problema um pouco maior com um menino porque ele precisa aprender uma profissão.

Pergunta: Mas isso pode ser feito de forma interativa?

Resposta: Interativamente, sim. No entanto, ele deve dedicar a maior parte de seu tempo a isso.

Pergunta: Ainda assim, você manteria uma mãe com a criança de até 10 a 12 anos de idade para meninos e meninas.

Resposta: Sim. Mas eles ainda teriam, digamos, três dias ou mesmo meio-dias alocados para caminhadas. Deve ser quando uma pessoa vem e pega os meninos e os leva para passear, a um museu ou a um campo de esportes, etc.

Pergunta: Deve ser um treinador, um instrutor ou um professor que pega meninos de uma área e os leva para mostrar o mundo real, corpóreo? Ele também os ensina a se comunicarem?

Resposta: Sim. Uma vez por dia, uma caminhada de duas a três horas, e outras duas a três horas de alguns jogos no campo de esportes e assim por diante.

Observação: Você acabou de pintar um mundo lindo.

Meu Comentário: Por que não podemos fazer isso? O que é aquilo?! Não precisamos construir nada para isso. Só precisamos nos reorganizar e é isso. Isso é fácil!

Observação: O que você acabou de pintar é tão lindo! Mas não acho que seja fácil.

Meu Comentário: Não é fácil por causa do nosso caráter, por causa do nosso egoísmo, mas está em nossas mãos.

De KabTV, “Notícias com Dr. Michael Laitman”, 25/05/20

Comente