“Qual É A Razão De Tantos Crimes Violentos Nos EUA?” (Quora)

Dr. Michael LaitmanMichael Laitman, no Quora: Qual É A Razão De Tantos Crimes Violentos Nos EUA?

De fato, houve um surto de violência recentemente na América. Por exemplo, os assassinatos em Chicago e Nova York são atualmente 50 por cento mais altos agora do que no ano passado, e também há os protestos que se transformaram em tumultos em Portland, que não parecem ter fim à vista.

A razão mais profunda por trás da violência é a alienação e estranhamento no cerne da sociedade americana de hoje – o sentimento de não se compartilhar as mesmas visões, nacionalidade e ideologias com outros – conflitando com uma interdependência e interconexão crescentes que exigem mais unificação.

E nós podemos esperar que a situação piore se as divisões do país não forem tratadas.

Em vez de vasculhar os motivos da violência, eu gostaria de mudar a ênfase para a solução …

A solução é que os americanos precisam descobrir como viver juntos.

Por um lado, a violência, o racismo e a divisão alimentados pela política remontam à história da América, mas, por outro lado, nunca foram tão radicais e generalizados como hoje.

É como se os problemas que espreitavam nas sombras por muitos anos tivessem explodido no centro das atenções, com muito mais ressentimento e ódio adicionados à mistura.

Portanto, além de lidar inevitavelmente com os problemas caso a caso, deveria haver uma mudança mais abrangente para desenvolver a responsabilidade mútua e consideração na sociedade americana acima das divisões e diferenças.

O que isso significa na prática é que cada cidadão deve ser cuidado tendo um padrão de vida respeitável garantido em troca de sua participação em atividades que visam aumentar a unidade acima das divisões.

Tal fórmula permitiria à sociedade americana avançar em uma nova direção positiva, pois ela estaria alinhada com a natureza interdependente de nossos tempos.

Como o paradigma do individualismo materialista do passado que a América prosperou está mudando para uma nova era onde o sucesso depende de mais unidade e cooperação, os tempos estão conclamando os americanos a enfatizar o que os une acima de suas diferenças. Se os americanos não conseguirem enfrentar esse novo desafio, podemos esperar um declínio histórico da superpotência para o status de país do terceiro mundo.

Por enquanto, muitas pessoas estão focadas em apontar as falhas percebidas nas visões que se opõem às suas, e aparentemente ficariam felizes em destruir aqueles que têm visões contrárias. Mas não há solução eficaz de longo prazo em tal abordagem.

Como qualquer organismo vivo que é composto de muitos sistemas que têm vantagens e desvantagens, condutores e resistores, temos que aprender como nos elevar acima do nível de nossas “células” e “órgãos” individuais em que existimos, e ver todo o organismo ao qual pertencemos. Veríamos então a necessidade de opiniões opostas e seu papel no equilíbrio da sociedade. No entanto, o que é mais importante, veríamos como o foco na unidade acima da divisão é de extrema importância na descoberta de uma harmonia social recém-descoberta.

Portanto, o impulso positivo da América a partir de sua divisão atual está em cada membro da sociedade internalizar a dependência mútua que todos os americanos compartilham. Quanto mais todos sentirem a dependência que têm dos outros e, da mesma forma, a importância de sua própria influência sobre os outros, mais todos terão que reconhecer os dois lados da moeda como pertencentes à mesma moeda.

Portanto, é minha esperança que os americanos estejam à altura do teste atual do tempo e comecem a sentir a necessidade de mudar a ênfase para se unir acima das divisões. Seu futuro positivo depende apenas disso.

Foto acima de Harrison Moore no Unsplash

Comente