Se Uma Mulher Estuda Cabalá

laitman_570Pergunta: E se uma mulher começar a estudar Cabalá e se desenvolver espiritualmente, mas o marido não, ela deve parar de estudar?

Resposta: Não, você não pode parar. Se você tiver a oportunidade de desenvolver a si mesma, sua alma, em nenhum caso você deve parar. Faça isso sem censura ao seu marido.

Diga-lhe que esse é seu hobby, o que faz você se sentir muito bem, e é melhor ter aventuras espirituais do que procurar algumas aventuras de fora. Ele vai concordar com isso.

Pergunta: E se ele insistir em que eu pare os estudos?

Resposta: Por quê? Se a esposa está interessada em, digamos, esoterismo, algo espiritual, ele pode até se gabar.

Comentário: Um homem tem medo de que uma mulher mude, supere-a no desenvolvimento e vá embora.

Minha Resposta: Ele pode estar com medo, mas precisamos ter certeza de que ele prefere isso a outra coisa. Um homem sempre quer que sua esposa esteja por perto, para olhá-lo e servi-lo. Portanto, devemos mostrar a ele que é exatamente isso que ele alcança.

Comentário: Mas, como mulher, não posso influenciar a escolha de um homem. Afinal, desenvolver-se comigo e crescer espiritualmente será sua própria escolha.

Minha Resposta: claro. No espiritual, é impossível forçar qualquer coisa. Portanto, dizem que no espiritual não há coerção, todo mundo estuda o quanto pode, o quanto quer. Talvez ele não queira estudar Cabalá, mas prefere ioga ou outra coisa. Que assim seja.

Você precisa permitir que outra pessoa faça essas coisas através do amor. Não há nada de errado nisso, ele continua sendo seu parceiro, seu cônjuge.

De KabTV, “Juntos sobre Coisas Importantes” 14/07/20

Comente