O Que Devemos Fazer Após A Quarentena?

laitman_627.1Não há dúvida de que a única maneira de superar o coronavírus é se preocupar com o mundo inteiro que é dominado pela pandemia. O vírus está nos mostrando que vivemos na era do Messias, no estado de “A última geração”, o estado que afeta o mundo inteiro.

O vírus não veio para nos destruir, mas para nos abalar um pouco, para nos levar à primeira percepção de que estamos diante de uma natureza global e única que está lutando contra nós como uma frente unida. Estávamos prestes a destruir a natureza do nível material mais baixo ao nível espiritual mais alto.

No nível material, já entendemos que destruímos implacavelmente os mundos inanimado, vegetal e animal, e as pessoas, com nosso egoísmo. O Faraó reina supremo em nosso mundo, e os “sete anos de fome” já chegaram, já que nada pode nos preencher neste mundo. É impossível continuar vivendo em um mundo onde o egoísmo reina abertamente. Ou subimos acima deste mundo ou enfrentamos tremendos golpes.

Temos que saber como entrar no mundo superior. Temos que construir Moisés como resultado do nosso grupo, ou seja, a força que puxa toda a humanidade para fora do mundo egoísta e a traz sobre o Mar Vermelho. É impossível continuar vivendo neste mundo egoísta.

Veja como a natureza inanimada, vegetativa e animal espera persistentemente que deixemos este mundo e subamos a um nível espiritual superior. Como os animais, peixes e plantas se regozijariam se todos nós nos levantássemos!

Toda a natureza em todo o mundo e o universo se acalmarão e se equilibrarão. Tudo será pacífico e feliz se o egoísmo do homem parar de intervir e colocar tudo sob seu calcanhar.

Não temos para onde avançar. Podemos voltar à mesma coisa depois que a quarentena for levantada, continuar prejudicando a natureza e aguardando a guerra nuclear? Vamos dar uma olhada preocupada em nosso estado antes do vírus, em quão ilógicas e anormais têm sido nossas vidas.

É necessário alcançar certa semelhança com o estado geral da natureza, porque o homem está no nível mais alto de todos os seres. Devemos nos unir e nos sentir responsáveis ​​pelo mundo inteiro.

A “última geração” é a que precisa implementar o programa de criação. E o coronavírus mostra como estamos atrasados ​​com essa implementação em escala global. É assim que trazemos desequilíbrio à criação e manifestamos todos esses vírus.

Podemos não ser capazes de sair para as ruas ou nos reunir, mas precisamos alcançar a unidade interior acima disso, as relações corretas entre as pessoas. Isso significa que o egoísmo que fica entre nós desaparecerá, nós o superaremos. Ao fazer isso, erradicaremos o coronavírus. Se eu estiver em boas conexões internas gentis com os outros, nenhum dano poderá ocorrer entre nós.

O coronavírus é um sinal de que não estamos avançando pelo caminho da luz, mas pelo caminho do sofrimento, o curso natural da evolução (Beito), porque ele está agindo sobre nós pela força. O caminho da luz, a aceleração do tempo (Achishena), sempre funciona de uma maneira boa e agradável.

Se lutarmos por boas relações entre nós, descobriremos que podemos construir sistemas internos de conexão entre nós e transferiremos os negócios para os quais não precisamos mais, que apenas poluem o meio ambiente. Nós os transferiríamos para o nível interno, onde nos conectamos, conversamos e sentimos um ao outro.

Eu vejo que agora as pessoas sonham com lojas de departamentos, restaurantes, cafés, barbearias e salões de beleza porque estão fazendo algum tipo de conexão entre si. Mas a natureza nos obriga a uma nova forma de conexão.

Da Lição Diária de Cabalá, 25/04/20

Comente