A Fé Acima Da Razão Requer Uma Mente Especial

laitman_928A fé acima da razão requer uma mente especial. O fato é que as pessoas deste mundo, você e eu, cada um de nós, somos construídos a partir do egoísmo, do desejo de receber, dentro do qual sentimos toda a realidade.

Sentimos apenas aquilo que pode nos trazer prazer ou vice-versa, causar-nos sofrimento, isto é, mais ou menos em relação ao nosso desejo egoísta de viver uma vida agradável.

Mas aqui, uma abordagem especial é exigida de nós. Não quero sentir o que é agradável ou desagradável para mim, então tento me libertar dessa dependência, me elevar acima dela e avaliar a realidade em termos do que é bom ou ruim para os outros. Dessa maneira, começarei a ver o que está fora de mim. Caso contrário, não vejo nada; o mundo inteiro para mim é apenas o que determina meu próprio benefício egoísta.

Eu me limito com isso; não vou além de ser um animal que pensa apenas em seu próprio estômago ou em uma criança pequena e ingênua que entende apenas seu próprio prazer e não leva em consideração os outros.

Então, a criança cresce e parece começar a cuidar dos outros, a ver e entender o mundo mais claramente. Mas, de fato, não vemos o mundo, simplesmente expandimos cada vez mais o campo de nossos interesses e podemos avaliar o que estará a nosso favor e o que nos prejudicará.

O sensor com o qual percebemos a realidade é criado a partir de um único desejo de receber; nós devemos perceber isso. Nós vivemos dentro do nosso desejo egoísta e isso é chamado de criação deste mundo. De fato, não existe “este mundo, o mundo futuro ou os mundos superiores”. Existe apenas uma realidade que depende apenas da nossa percepção, da nossa atitude em relação ao que está acontecendo.

Existem alguns fenômenos no mundo que não sentimos, porque nossa percepção é determinada apenas pelo que é bom ou ruim para nós. Nós simplesmente não percebemos mais nada.

Se o sinal não é captado pelo meu sensor egoísta, o desejo de receber, seja positivo ou negativo, então não sinto nada. Talvez algo grandioso esteja acontecendo ao meu redor, mas não vejo nada.

Os Cabalistas que alcançaram o mundo superior dizem que está bem aqui. Não precisamos ir para outro lugar, para o outro extremo do universo, para outra galáxia, todos os mundos já estão aqui, próximos a nós. Apenas não os sentimos porque percebemos a realidade apenas através de um parâmetro estreito: me sinto bem ou me sinto mal. Acontece que toda a realidade é limitada apenas pelo meu interesse egoísta e primitivo.

Mas como posso ver mais, sentir mais, entender mais e começar a sair do meu casulo? Isso é possível se eu me elevar acima do sentimento de “me sinto bem ou me sinto mal” e adquirir a qualidade de doação, a qualidade que se chama fé. Então sentirei tudo não em relação ao meu próprio benefício, mas em relação aos outros.

Se eu começar a avaliar a realidade dessa maneira, vou me elevar acima de mim e encontrar um novo órgão sensorial: a fé acima da razão. É assim que entro em uma nova percepção externa da realidade, independente do meu egoísmo. Serei capaz de sentir o que os outros sentem fora de mim e, portanto, minha visão se tornará relativamente objetiva, dependendo do quanto posso me separar de meus próprios interesses.

Eu começo a ver a realidade objetiva que fui capaz de revelar: 125 graus espirituais, cinco mundos superiores, e posso gradualmente desenvolver essa visão até conseguir ver tudo o que está fora de mim. E o que está fora de mim é chamado de Criador ou Boreh, que significa “venha e veja”. Agora, no meu desejo de receber, não vejo nada, mas tenho a oportunidade de alcançar o Criador, a realidade que está fora de mim.

Então, entenderei onde realmente moro, o que é a natureza e o que está acontecendo comigo. Portanto, essa técnica é chamada Cabalá (recepção) porque ensina como ter uma noção de toda essa realidade sem limites. Uma pessoa que desenvolveu tais sentimentos é chamada Cabalista porque percebe a realidade objetivamente, não distorcida em sua percepção egoísta, mas como realmente é.

Mesmo a primeira saída do seu egoísmo permite que você sinta que a realidade espiritual superior existe! Então, eu começo a entender onde estou, para que existo e por que, bem como que processo devo passar e que estado devo alcançar. Antes disso, somos completamente cegos, insensíveis e não temos como olhar além do nosso egoísmo. Somente a fé acima da razão pode nos ajudar a nos libertar dele.

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá 30/04/20, “Sobre a Fé Acima da Razão”

Comente