A Essência E A Raiz Da Unidade, Parte 2

laitman_258A Cabalá Não Opera Com Números

Comentário: A Cabalá, em regra, fala de algum tipo de condição qualitativa. Por exemplo, os historiadores escrevem que três milhões de pessoas deixaram o Egito, dos quais 600.000 eram homens, e o restante eram mulheres e crianças. Mas a Cabalá não opera com números. Gematria é uma quantidade qualitativa.

É possível que não foram três milhões de pessoas que deixaram o Egito, pois esse número significa uma certa quantidade qualitativa.

Minha Resposta: Existe um certo padrão no qual os estados potenciais das forças espirituais, descritos nas fontes primárias, devem se materializar pelo menos uma vez.

Historiadores e arqueólogos procuram isso através de suas próprias fontes, medem-no segundo seus padrões, pesam em gramas e quilogramas, traduzem-no em quilômetros e, portanto, o fazem de maneira um pouco diferente.

Pergunta: Como devemos usar essas informações? Suponha que eu li que vários milhares de anos atrás houve um êxodo do Egito. Mas não sou historiador e não estou interessado nisso. Como posso usar isso para meu próprio bem?

Resposta: Estamos falando da ascensão acima do nosso egoísmo, que é realizada por um grupo de pessoas que se esforçam por isso. Em nossos dias, assim como naqueles dias, isso é realizado através das mesmas ações, esforços e unificação entre as pessoas chamado garantia mútua.

Não faz diferença se você existia há 3.000 anos e, portanto, se elevou do egoísmo, ou seja, “saiu do Egito”, ou hoje, onde você faz isso em um grupo de pessoas, na dezena, aqui ou no outro extremo do mundo. Afinal, temos muitos grupos que trabalham em diferentes países e falam idiomas diferentes.

De KabTV, “Análise Sistemática do Desenvolvimento do Povo de Israel”, 24/03/19

Comente