Bnei Baruch – Somos Responsáveis Pelo Mundo Inteiro

laitman_294.3Vivemos um momento especial em que o mundo começa a sentir que deve mudar sua atitude diante da vida, da realidade, da humanidade, da sociedade, da família, de tudo. Todo mundo entende que isso é necessário, mas ninguém sabe como fazer isso. As declarações de políticos e legisladores mostram seu total desamparo. A humanidade esgotou todas as opções e não há mais lugar para ir: as pessoas não têm atração pelas opiniões da extrema esquerda, direita ou centro. A nova geração é totalmente indiferente a tudo.

É um sinal de que chegou a hora da última geração em que somos obrigados a descobrir a essência da vida para todos. O Criador escolheu o nosso grupo Bnei Baruch para realizar esse objetivo, dando-nos esse desejo. O desejo vem da luz. Se uma pessoa é iluminada um pouco pelo mundo espiritual, o desejo de espiritualidade desperta nela. E se de repente a luz começar a nos atrair para a vida corporal, nos afogaremos na corporeidade. Todos nós despertamos apenas graças à luz.

Portanto, se recebemos esse despertar, somos responsáveis ​​por todo o mundo e somos chamados Isra-El (direto ao Criador). O Criador não cuidará de nós se não conseguirmos realizar esta tarefa para a humanidade. Nos reunimos na Convenção não apenas para uma conexão interna, mas para gerar uma força com a nossa unidade que possa atrair toda a humanidade. É necessário se unir fortemente à Convenção e atrair a luz que reforma, que nos avançará, para que o mundo sinta que tem alguém a seguir, que existe um grupo em que a força superior habita, Israel, “direto ao Criador ”, o grupo liderado por Abraão. 1

O mundo evoluiu para um estado em que deve receber uma nova força, aspiração e objetivo que antes estavam ausentes. Até agora, o mundo caminhava em direção a uma meta material e egoísta, uma conquista de cada vez. Esse tipo de desenvolvimento se esgotou. Isso é evidente na geração jovem, que é muito menos atraída pelos valores materiais. Para um despertar completo, faltam apenas mais algumas epidemias, como o coronavírus. Claro, elas virão, porque nós mesmos as despertamos com nossa atitude. 2

Quero ser incluído em Adam HaRishon, no sistema comum em que todas as almas estão conectadas. Quero sentir almas, não corpos, vivendo em uma única alma. Preciso realizar esse despertar, se o tenho, porque é um presente genuíno do alto, um despertar de uma parte da divindade do alto.

O mundo precisa de uma mudança de direção, porque está perdido e carece de compreensão de onde seguir. Estes não são apenas sinais da última geração. Essa é a nossa realidade.

Todo mundo que quer realizar sua alma é obrigado a se conectar com outras almas. É assim que reunimos a alma de Adam HaRishon e, depois de unir essas partes, sentiremos a vida espiritual dentro delas. 3

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá 25/01/20, Preparação para a Convenção, Parte 1
1 Minuto 30:30
2 Minuto 46:55
3 Minuto 1:11:05

Comente