Como Você Assina Um Acordo Mútuo Com O Criador?

laitman_942Pergunta: O Criador é o principal fiador. Assinamos um acordo um com o outro diante Dele, com o entendimento de que Ele está atrás de nós.

Quando alguém do grupo cai e tentamos jogar-lhe uma corda, mas nada acontece, nos voltamos a Ele: “Você tem um contrato conosco e, portanto, pedimos que cumpra sua parte do contrato. Fizemos tudo para ajudar o amigo a se levantar, mas não temos forças. Você é um participante do nosso acordo, pedimos que o retire agora”.

Entendemos corretamente ou não?

Resposta: Não. Por que você não recorre imediatamente ao Criador? Você acha que é capaz de alguma coisa?

Observação: Nós pensamos que devemos colocar nosso “meio shekel”, pagar nosso preço, chegar ao ponto em que não podemos mais fazer nada e depois pedir a Ele.

Meu Comentário: Em princípio, está correto. Mas é melhor entender imediatamente que, exceto pelo Criador, ninguém pode ajudar de qualquer maneira.

Pergunta: Como assinamos um acordo mútuo para sentir que Ele também participa dele?

Resposta: O Criador não participa, ele define. Ele detém a sua garantia. Afinal, Ele mantém todo o sistema.

O que significa essa garantia mútua? Em um sistema completamente fechado, todos são fiadores do resto. E se ele não cumprir sua parte, tudo entrará em colapso. Portanto, devemos obter imediatamente o Criador como uma força que atua em nós.

Outra coisa é que podemos nos voltar a Ele e dizer: “Sim, não podemos manter essa rede de forças. Faça com que entendamos onde fazer isso, nos direcione, ajude, dê força! Dê uma compreensão do que fazer! Governe!” Para Ele, é uma grande alegria.

Da Lição 7, Convenção Mundial de Cabalá na Moldávia 08/09/19, Reunindo Todos Os Estados Em Direção Ao Criador

Comente