Meus Pensamentos No Twitter 19/11/19

Dr Michael Laitman Twitter

O centro da dezena é um pequeno buraco de agulha através do qual eu entro no mundo espiritual. Para isso, devo restringir todos os meus pensamentos, todos os desejos, comprimindo-os em um ponto, para que eles me levem ao mundo superior através do centro da dezena.
#Cabalá #Sabedoria #unidade

No mundo espiritual, a dezena é o meu passaporte, meu escudo. É a chupeta amada do bebê. Sem a dezena, eu não existo. Ao me incluir na dezena, através dela, como por um cordão umbilical, eu me conecto à alma comum de Adam HaRishon e o Criador revelado dentro dele.

Minha dezena é meu Kli pessoal, do qual não posso sair, ao qual estou conectado, e devo investir nele. É como uma chupeta para um bebê – agarrando-a, ele imediatamente se acalma e recupera o equilíbrio. Sintonize sua dezena em particular e depois no mundo inteiro Kli .

Esta é a maneira pela qual o Criador me leva à correção final.
… e digamos que pensar Nele é a recompensa.

Não podemos dar nada ao Criador, exceto a nossa unidade! O Criador é perfeito e não tem necessidades. A única coisa que podemos oferecer a Ele é um vaso, um Kli para Sua revelação, para que Ele possa estar satisfeito em cumprir nosso desejo, as primeiras 9 Sefirot, 9 amigos.

Devemos trazer paixão e dirigir nossa dança do tango com o Criador. Toda vez que Ele desaparece, devo me controlar: pelo que eu luto, e tentar melhorar a qualidade do meu desejo por Ele, para que a importância não esteja na minha realização, mas para quem eu luto.

O Criador está dançando um tango conosco, se aproximando e recuando. Uma vez que Ele me trouxe a luz e desapareceu, tenho que me aproximar do estado anterior. Isso se assemelha a uma inspiração e expiração.
O Criador está me ensinando: através das ações do grupo, estou dando a Ele um lugar para Se revelar, convidando-O, exigindo Sua revelação.

O principal é me afastar. Eu quero lutar por ele e dar-Lhe prazer. Isso está contribuindo para a dezena. Portanto, a dezena assume um novo significado, Shechinah, um lugar para a revelação do Criador, onde eu posso dar a Ele.
Tudo é direcionado para o estado de doação, “Lishma”.
#Cabalá

Quero conectar meus estados ao Criador: lutar rumo a Ele é uma subida, a falta de aspiração é uma descida, apesar do bem-estar geral. Se eu me esforço em direção ao Criador, para quem é: para agradar a mim ou a Ele? Pesamos um fator extra: para mim ou para o Criador…
Eu ou um amigo?

Do Twitter, 19/11/19

Comente