Quem São Os Juízes?

laitman_547.05Nas Notícias (The Guardian): “Os presos poderiam receber as chaves de suas celas para incentivar o bom comportamento, bem como uma série de outros benefícios, de acordo com os planos do governo que instam os governadores a dar mais ênfase às recompensas e menos às punições.

“Os ministros querem dar aos chefes de prisão o poder de começar a permitir, aos presos que seguem as regras, mais tempo fora de suas celas, a liberdade de cozinhar suas próprias refeições e mais tempo para gastar na academia, bem como a liberdade de escolher quando tomar banho. e mais tempo para se encontrar com os visitantes. …

“As autoridades citaram evidências resumidas pelo governo no mês passado de que o reforço positivo era mais eficaz como meio de mudar o comportamento a longo prazo. E eles enfatizaram que aqueles que não cumprissem as regras ainda poderiam perder privilégios. …

“A política também pedia que os funcionários da prisão ‘usassem consistentemente o reforço verbal para o bom comportamento e desafiassem o mau comportamento fora das revisões formais’, e entregou aos chefes da prisão a ‘liberdade de aumentar a quantidade de tempo fora da cela para atividades recreativas ou se exercitar junto com educação e programas de trabalho “.”

Pergunta: O que você acha desse sistema de detenção?

Resposta: Em princípio, a Torá e especialmente a Cabalá sentem que o encarceramento não é uma correção. Vemos que isso não corrige nada. Pelo contrário, as pessoas deixam a prisão ainda mais irritadas com o enorme egoísmo malicioso que elas novamente começam a usar na vida cotidiana entre as pessoas.

Prisão não é educação. A educação deve ser organizada de maneira diferente.

No passado, alguns milhares de anos atrás, havia cidades de refúgio onde as pessoas eram deportadas e cuidadas. Elas tinham que permanecer dentro da cidade e não tinham o direito de deixá-la.

Quando os que os supervisionavam (educadores, etc.) viam que uma pessoa estava funcionando normalmente, podiam gradualmente levá-la além dos limites desse sistema.

Observação: Também é dito na Torá que os culpados eram enviados para lá, para que outros não pudessem se vingar deles.

Meu Comentário: Sim. Tudo era organizado muito seriamente para o benefício mútuo dessas pessoas e da sociedade externa. Mais tarde eles voltavam.

Eu recomendaria isso. Eles devem se sentir livres e mudar gradualmente.

Observação: Mas ainda assim a ideia dos acusadores e daqueles que aoóiam o encarceramento é diferente: “Eles devem ser humilhados, trancados”.

Meu Comentário: Isso é natural porque não temos um sistema educacional; só temos um sistema de coerção e punição.

Pergunta: O sistema de punição não funciona?

Resposta: Vemos que não funciona. Além disso, o resto da sociedade é infectado por esses pensamentos. Vemos provas da insuficiência do sistema de punição naqueles que retornam às ruas, destroem tudo, quebram vitrines de lojas, montam barricadas e assim por diante.

Pergunta: Você acha que mesmo o criminoso mais inveterado pode ser reeducado?

Resposta: Eu acho que é possível reeducá-los e dar-lhes uma oportunidade de autocontrole nessas cidades. Eles podem estabelecer uma ordem que todos os outros invejarão, porque existe um conceito de honra entre eles. Devemos entender que são pessoas sérias que podem estabelecer ordem.

Pergunta: O que deve mudar na maneira de pensar das agências policiais e promotores?

Resposta: Eu acho que eles deveriam ser trancados em vez desses criminosos. Então o modo de pensar deles mudaria. É impossível estar de um lado e pensar no outro lado. Claro, quero dizer isso como uma piada, mas há alguma verdade nisso.

Observação: Você sempre diz que o sistema de juízes costumava ser completamente diferente. Os juízes eram aqueles que simplesmente não podiam aceitar suborno.

Meu Comentário: Ser juiz era a posição mais alta. Em princípio, até hoje considera-se que um juiz deve receber um bom salário, deve ser protegido e independente. Mas que tipo de independência pode existir hoje se todos os juízes obedecem aos governos, todos estão em conluio entre si, “uma mão esfrega a outra” etc. etc.?

Observação: Anteriormente, os juízes não precisavam receber muito pagamento.

Meu Comentário: Este não é o ponto. Eles realmente eram independentes.

Pergunta: Como isso era possível? Qual é a imagem ideal de um juiz?

Resposta: Um juiz valorizava muito sua posição. Ele apreciava a opinião pública que era constantemente sintonizada de tal maneira que um juiz estava acima de todos, mesmo acima de um rei. Um juiz estava no mesmo nível que o Criador. É possível ver isso na Torá, no Livro de Juízes. Esta é a posição mais alta do país.

Pergunta: É possível criar essas pessoas em nosso mundo egoísta?

Resposta: Para isso, é necessário educá-las. Precisamos de um sistema educacional, não um sistema penal e não esse sistema público que é uma bagunça. Mas é possível.

Pergunta: Você acha que o que eles querem fazer na Grã-Bretanha é um passo em direção à educação?

Resposta: Deixe-os tentar. Mas, para construir um sistema correto, as pessoas certas devem construí-lo. Não tenho esperança de que eles tenham sucesso. Pessoas com uma maneira diferente de pensar devem criar esse sistema.

Pergunta: Então, este é um beco sem saída?

Resposta: Sim. Até que se voltem para os Cabalistas, nada os ajudará. Boa sorte, senhoras e senhores britânicos!

De KabTV, “Notícias com Michael Laitman”, 16/07/19

Comente