No Domínio Da Natureza Integral

75.01Baal HaSulam, “Paz no mundo”: …o benefício de cada pessoa em seu coletivo é avaliado não de acordo com sua própria bondade, mas de acordo com seu serviço ao público. E vice-versa, nós apreciamos o atributo do mal de cada indivíduo apenas de acordo com o dano que ele inflige ao público em geral, e não pelo seu valor individual.

Essas coisas são claras, tanto da perspectiva da verdade nelas como da perspectiva do bem nelas. Isso ocorre porque o que é encontrado no coletivo é apenas o que é encontrado no indivíduo. E o benefício do coletivo é o benefício de todo e qualquer indivíduo: quem prejudica o coletivo recebe sua parte no dano e quem beneficia o coletivo recebe sua parte no benefício, uma vez que os indivíduos fazem parte do todo, e o todo é não vale mais do que a soma de seus indivíduos.

Aqui está um cálculo constante, totalmente completo e muito real.

Eu vejo diante de mim um vasto sistema integral do mundo inteiro, não do nosso mundo, mas de todos os mundos. Eu sinto que estou encerrado neste sistema pelo resto da humanidade, uma enorme quantidade de engrenagens interconectadas. E não tenho absolutamente nenhuma liberdade de me virar alguns graus em uma direção ou outra.

Afinal, uma engrenagem é como uma esfera: eu posso girar aqui e ali, em diferentes direções, em diferentes ângulos.

No entanto, para onde quer que eu vire, estou conectado com outras engrenagens. Eu afeto sua rotação, seu estado, e elas me afetam. Este é o mundo

Isso significa que a natureza é absolutamente plena e interconectada e não temos como fazer nada contra ela.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 21/07/19

Comente