A Evolução Dos Desejos

laitman_738Pergunta: O desejo é o fundamento da natureza?

Resposta: Sim. Existe apenas uma substância chamada desejo e nada mais.

Pergunta: De acordo com a Cabalá, existem diferentes níveis de desejos. Nós somos construídos para vermos os desejos dos níveis inanimado, vegetativo, animado e humano fora de nós mesmos. Portanto, como resultado, vemos a natureza inanimada e vegetativa, os animais e as pessoas. Se fôssemos construídos de forma diferente, veríamos uma imagem completamente diferente do mundo?

Resposta: Sim, depende dos nossos desejos. Se estivéssemos em um nível mais baixo de desejos, nos encontraríamos perseguindo mamutes, etc. Tudo depende da evolução dos desejos.

Pergunta: Quantos níveis de desejos os animais possuem?

Resposta: Eles operam de acordo com o mesmo sistema que nós, porque esses são nossos desejos, apenas em níveis mais baixos.

Observação: Mas eles nos percebem mesmo que não tenham desejos humanos.

Meu Comentário: Aqui, novamente, temos uma pergunta: eles existem por si mesmos ou apenas em nossa imaginação? Afinal, tudo existe apenas em relação a uma pessoa; não há mais nada além dela. Tudo o mais é o que existe dentro dela e o que ela vê fora de si mesma.

Pergunta: Qual é o motivo pelo qual não sentimos isso?

Resposta: Os Cabalistas gradualmente descobrem a realidade de que estamos falando agora e a descrevem. Outras pessoas não a sentem porque não atingiram esse nível. O desenvolvimento de uma pessoa com a ajuda da Cabalá leva ao fato de que ela começa a ver a verdadeira realidade na qual nada, exceto ela, existe na Luz branca geral.

Pergunta: Isso significa que ninguém é melhor ou pior. Há apenas evolução, um programa definido pela natureza. Há pessoas que começaram a atingir essa realidade há alguns milhares de anos e explicaram que não há mundo fora de nós. Existem aquelas que ainda estão nesse processo e alcançarão isso em outros mil anos?

Resposta: Sim. Isso indica que há desejos em uma pessoa que alcançaram sua correção e a correta revelação da realidade e há desejos que ainda não foram revelados e não atingiram a sensação correta da realidade e, portanto, se apresentam a uma pessoa na forma de pessoas externas que ainda não entendem isso e não concordam com isso.

Comentário: Eu entendo que um desejo opera de acordo com dois princípios: o primeiro é a preservação da forma atual, o segundo é anexar a si tudo o que é apresentado a ele.

Meu Comentário: Qualquer desejo é inicialmente egoísta; quer preservar-se e, tanto quanto possível, trazer tudo o que considera útil para mais perto de si.

Observação: Portanto, como a Cabalá diz, toda a nossa vida é uma busca de realização. A natureza criou desejos em nós e estamos procurando onde sua satisfação se encontra porque não podemos realmente nos preencher.

Meu Comentário: Nós estamos cheios e seremos preenchidos na forma de razão, na forma de impressões e na forma de mudanças, até que nossas impressões e mudanças nos conduzam à visão da verdadeira realidade onde não há nada além de nosso desejo, onde todas essas flutuações ocorrem.

Trabalharemos apenas para expandir o máximo possível esse desejo e, assim, sentir nele um preenchimento absolutamente completo chamado Mundo do Infinito.

De KabTV, “Fundamentos de Cabalá”, 26/11/18

Comente