O Criador Não É Uma Pessoa

Laitman_161Pergunta: Embora você já tenha dito que o Criador, como uma personalidade, não existe, você mesmo continua a falar sobre Ele como uma pessoa física que pensa, deseja, experimenta, se alegra, sofre, etc.

Como podemos entender suas declarações? Existe algum tipo de personalidade? Ou o Criador é algum tipo de força? As forças não têm componentes emocionais, portanto não podem ser usadas para descrever qualquer uma de suas manifestações.

Resposta: Eu já tive um carro antigo que me deu muitos problemas. Tentei consertá-lo sozinho e mais de uma vez levei para a oficina. Eu repreendi com palavras indelicadas o mecânico que estava consertando o carro, que se referia a ele como um ser vivo.

Quando nos dirigimos a algo, frequentemente impomos um objeto, uma força, um fenômeno, nossas propriedades, nossos sentimentos, que, naturalmente, não existem neste objeto ou propriedade. O mesmo é verdade do Criador.

Na medida em que posso criar a propriedade de doação, amor e conexão em mim mesmo, eu atraio essa propriedade “o Criador” e não mais do que isso. Mas, de fato, fora desta propriedade que eu criei, o Criador não existe.

Aqui precisamos nos posicionar corretamente e entender que é por isso que o Criador é chamado Boreh, Bo-Reh: Bo (venha), Reh (vê). Você deve vir e ver, isto é, alcançar o mesmo estado para descobrir essa propriedade. Também chamamos essa propriedade de Elokim. Ela consiste em duas partes da alma. Uma parte é chamada de AHP, a outra é Galgalta ve Eynaim.

Se estivermos falando da alma, o que o Criador tem a ver com isso? Isso também se refere a uma pessoa? Nós nem sequer falamos sobre o que existe fora de uma pessoa.

Estamos falando da realização dentro de uma pessoa quando ela alcança a qualidade de doação, a propriedade do amor.

Esta propriedade está acima do egoísmo, não é fácil de construir e desenvolver em si mesmo. Quando nós a adquirimos, a chamamos de Criador. Então podemos falar sobre perceber o Criador.

Da Lição de Cabalá em russo 23/12/18

Comente