Meus Pensamentos No Twitter 14/03/19

Dr Michael Laitman TwitterO Criador nos leva à independência, que surge como resultado de nossa transição da qualidade de recepção para a qualidade de doação. Em outras palavras, usamos nosso desejo de desfrutar, mas na ação de doação, para o contentamento do Criador, e não para a auto-gratificação.

À medida que se desenvolve, a criatura aprecia a luz para seu cuidado e tutela, assim como a criança gradualmente começa a apreciar o amor e o cuidado dos pais.

Para elevar a criatura a um novo grau de doação, o Criador tira prazeres diretos e concede a habilidade…. a ser cumprida pela doação e não pela recepção.

A reação direta do desejo à luz – o prazer é natural e conhecido de antemão. É por isso que não há criação nela desde a criação (Beria – bar) significa uma nova qualidade externa.

A criatura nasce com uma reação antinatural pelo desejo não ser preenchida com a luz

… mas sim tornar-se como a luz.

Do Twitter, 14/03/19

Comente