Desenvolvimento Espiritual E Crescimento Do Egoísmo

Laitman_524.01Rabash, “Sobre a Importância da Sociedade”: E o homem, a quem O Zohar compara à árvore do campo, sofre, como a árvore do campo, de maus vizinhos. Em outras palavras, devemos sempre eliminar as ervas daninhas ao nosso redor que nos afetam, e também devemos nos manter longe de ambientes ruins e de pessoas que não favorecem o caminho da verdade.

Portanto, em questões de trabalho no caminho da verdade, a pessoa deve isolar-se de outras pessoas … isto é, de pessoas que não seguem este caminho. Precisamos de uma vigilância cuidadosa para não sermos atraídos a segui-los.

Isso é chamado de “isolamento”, quando a pessoa tem pensamentos sobre a “autoridade única”, chamada “doação”, e não a “autoridade pública”, que é o amor próprio. Isso é chamado de “duas autoridades”: a autoridade do Criador e sua própria autoridade.

Pergunta: As pessoas que começam a estudar seriamente a Cabalá, de repente têm vários novos desejos de riqueza, conhecimento e coisas externas. Por que isso funciona dessa maneira? Afinal, antes disso, elas não ansiavam por essas coisas.

Resposta: Isso acontece para dar-lhes a oportunidade de compreender a si mesmas e separar os desejos espirituais dos materiais.

Elas têm grandes desejos por riqueza, fama, poder e até por conhecimento. Isso é natural porque, em contraste com o desenvolvimento espiritual, o componente material sempre crescerá. Então, é dito: “Aquele que é maior que seu amigo, seu egoísmo é maior”.

De KabTV “A Última Geração”, 24/04/18

Comente