Escolha Por Você Mesmo: Morrer Ou Nascer

laitman_276.01Nós estamos todos presos neste mundo como em um submarino sem saída: ou nos mataremos ou todos anularão seu egoísmo e o submarino se expandirá e se transformará em um novo mundo.

No início, este lugar parece horrível, escuro e apertado. No entanto, se a pessoa anula o seu egoísmo, Malchut, e relativo a ele aumenta Bina, este lugar escuro e opressivo se torna o útero de uma mãe.

Então, ele se expandirá ainda mais, se transformando em um mundo inteiro, já que estamos adicionando Malchut às propriedades de Bina, em cujo resultado Bina se expande sem limites, abraçando a totalidade da realidade. Nós começamos a usar construtivamente os poderes de Malchut e Bina, trazendo Malchut à equivalência de Bina. Malchut, que se torna semelhante à Bina, amplifica a doação 620 vezes.

Eu descubro no lugar apertado e opressivo um governo que é o oposto de mim e que exige que eu me curve, anule meu egoísmo. Eu sou incapaz de fazer isso. Eu grito e oro, mas, no final, ainda encontro forças para isso. Então, nesta autoanulação perante a força de doação, eu vejo quão boa é essa força.

Antes disso, eu não via a sua bondade. Parecia-me que não há nada de bom na doação, que somente receber é bom. No entanto, por desespero, depois de me encontrar em um lugar confinado, escuro e horrível, como se estivesse enterrado vivo no chão, eu decido mudar a mim mesmo para entrar em um novo mundo.

Afinal, um túmulo é o mesmo que o ventre de uma mãe. Eu o percebo como uma sepultura até encontrar a força de Bina e me identificar com ela. Então ele se transforma no ventre de uma mãe.

Eu tenho dez minutos nesta sepultura até sufocar por falta de ar. A única saída é encontrar rapidamente a força de Bina e transformar a sepultura em um útero. Eu tenho que fazer todos os esforços para descobrir que “não há outro além Dele”, que me trouxe a este estado e está escondido dentro dele. Eu preciso estabelecer uma conexão com Ele para começar a usar o desejo de doar e, assim, desenvolver-me no novo mundo.

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá, 03/09/18, Lição sobre o Tópico: “Concepção”

Comente