Aproximar-se Do Castelo Do Criador

laitman_293Baal HaSulam, Os Escritos da Última Geração: Toda a recompensa antecipada do Criador, e o propósito de toda a criação, é a Dvekut [adesão] com o Criador, como em “Uma torre cheia em abundância, mas sem convidados”. É isso que os que se apegam a Ele com amor recebem.

Baal HaSulam enfatiza que a recompensa mais importante de todo o trabalho de uma pessoa neste mundo, como resultado dos esforços que ela faz e para que ela vive, é a conquista da revelação do Criador, unir-se a Ele, a completa equivalência das propriedades da pessoa às propriedades do Criador.

Esta é “uma torre cheia em abundância, mas não há convidados”.

No entanto, o Criador espera por eles.

Por enquanto, em vez do castelo, estamos em uma prisão da qual devemos sair e nos aproximar gradualmente do castelo.

O problema é que a pessoa deve se sentir como se estivesse na prisão. Isso não importa como. Em outras palavras, se não quisermos escapar da prisão por nós mesmos, a natureza operará sobre nós de tal forma que teremos que fazer isso.

Pergunta: Se não há sentimento de que você está na prisão, qual é o uso dos esforços que fazemos durante os workshops?

Resposta: É para que você receba esse sentimento. Isso vem do fato de que você vê o tipo de mundo em que vive.

Enquanto estuda Cabalá, você entende um pouco, que ela de alguma forma funciona. Mas o tempo passou e agora você está novamente tentando encontrar um lugar aconchegante. Portanto, você precisa deixar esse estado. Mas é muito mais difícil fazer isso agora do que antes, porque na “prisão” comum você foi empurrado para frente e agora ela funciona de forma diferente.

Você mesmo deve conscientemente entender que, apesar do fato de estar fisicamente bem confortável, você está num estado enganador, longe do Criador, da qualidade de doação e amor ao próximo. Portanto, essa propriedade, que você não pode e nem quer alcançar, está diante de você e mostra que você está na prisão.

Agora devemos imaginar que estamos na prisão. E é possível chegar a isso somente por meio do desenvolvimento do sentimento no grupo de que somos incapazes de alcançar a conexão, o amor, um estado interno de unidade entre nós em que o Criador se revelaria: a propriedade comum de doação e amor.

Esforços constantes voltados à conexão nos levarão a entender que não podemos fazer isso. De acordo com eles, veremos que esforços vêm até nós de fora: do Criador, pela Luz.

De KabTV “A Última Geração”, 19/12/17

Comente