O Sentido Da Vida É Aprender Seu Sentido

281.01Pergunta: Além do objetivo principal, de alcançar o mundo superior, existem outros objetivos mais elevados relacionados aos talentos e qualidades naturais de um indivíduo que devem ser perseguidos enquanto eles ainda não desenvolveram o desejo pela busca do mundo superior?

Resposta: Por que o indivíduo deve se distrair com algo? Para ser um ótimo músico? Digamos que eu comece a tocar um instrumento musical 12 a 14 horas por dia para tocar lindamente. Este é o sentido da minha vida?!

O que eu alcanço com isso? Uma enorme satisfação egoísta. Eles se curvam para mim, me respeitam, eu me torno conhecido, ganho muito dinheiro, vou para frente do palco, todos se levantam, aplaudem!

Observação: Não apenas isso. As pessoas ouvem a música e se elevam.

Meu Comentário: Sim, as pessoas choram de alegria, isso é lindo, e daí? Em última análise, eu e meus ouvintes ainda morreremos e, com isso, tudo acaba. Este é o sentido da vida?

Todos são pegos em tal “ratoeira”. Mas há pessoas, Cabalistas, com um tremendo desejo de conhecer a essência da existência. Eles dizem: “Não aceitaremos nada menos, precisamos alcançar o Criador! O sentido da vida, a obtenção do ponto de onde tudo surge e nada menos”.

Pergunta: E se levarmos em conta os cientistas, que, por exemplo, desenvolveram intervenções que salvam vidas. E a humanidade as usa há séculos. Não há sentido nisso?

Resposta: Eles estão simplesmente melhorando a existência animal das pessoas. Nenhum sentido existe em nosso mundo, não há necessidade de cavar por ele! Nós vemos o que somos e como tudo termina. As pessoas nascem, vivem e morrem, e isso continua por gerações enquanto a Terra nos sustenta. Não há mais nada. Então vale a pena discutir o sentido da existência da matéria proteica neste planeta?!

Pergunta: Então o sentido da vida é aprender o seu sentido? Os Cabalistas dizem que ele está na adesão com o Criador.

Resposta: Claro. Nessa vida. Neste mundo.

Você deve atingir o Criador, revelá-Lo, conhecê-Lo. Enquanto isso, você alcança o estado de eternidade e perfeição, sem morrer, sem se identificar com o corpo, que é deixado como uma parte totalmente desnecessária, uma parte usada de um foguete.

Você é obrigado a alcançar isso e a experimentá-lo de forma clara e óbvia, como uma criança que põe tudo na boca, porque somente através do paladar pode identificar o que é. É por isso que isso é chamado de Taamei Torá, “sabores de Luz”.

Da Lição da Cabalá em Russo 28/01/18

Comente