Meus Pensamentos No Twitter, 13/04/18

#Elias, o profeta: “As nações levarão o povo de #Israel à casa do Criador”. Isto é, a missão das nações é ajudar os judeus a alcançar a doação (Luz) em unidade e transmiti-la às nações, trazendo assim o mundo à libertação do ego e à #unicidade com o Criador.

Judeus sofrem por milênios,
Não querendo aceitar a razão do ódio dos outros por eles!
Um povo verdadeiramente obstinado …

A verdade me tocou:
A missão dos judeus é entregar a luz do Criador a este mundo –
Para mudar o mundo do ódio para o amor.

#Antissemitismo depende apenas dos judeus! Afinal, as nações do mundo não têm livre arbítrio, uma vez que lhes faltam os dois desejos: de receber e (o ponto) de doar, mas têm apenas o desejo de receber. O livre arbítrio é construído precisamente entre esses dois desejos.
#Cabalá #liberdade

Golpes pessoais não contam
Eles não são espirituais!
Apenas os obstáculos à unidade do grupo são espirituais!

Golpes no grupo são
Revisões de unificação—
Até que a Luz ilumine internamente!

Do começo do caminho até o fim
Todas as ações
São apenas maior unidade do grupo!

O grupo exalta o caminho – dá energia
Então estou certo
Que vamos alcançar o objetivo!

Se estamos juntos,
Então as tribulações pessoais
Já não são necessárias que o outro atravesse…

O grupo recebe golpes de grupo
Precisamente neles
Todo o grupo sai para a Luz!

As nações exigem que os judeus cumpram sua missão, sentindo inconscientemente que eles não a estão cumprindo. Os judeus devem ser um canal que preenche nosso mundo com a bondade do mundo superior. Yehuda Ashlag, Matan Torá: “Mas por não estarem unidos, eles não preenchem a si mesmos nem aos outros”.

#Antissemitismo #Cabalá Devemos imaginar claramente que apenas os judeus têm o livre arbítrio, e assim só eles causam todas as tragédias. Recusar-se a entender isso é duplamente imprudente: como um bebê que pensa que, ao fechar os olhos, o mal desaparece! – Abram os olhos!

Do Twitter, 13/04/18

Comente