“Toma-Os, E Os Leva Sobre As Suas Asas”

laitman_232.03Torá, Deuteronômio 32:11 – 32:12: Como a águia desperta a sua ninhada, move-se sobre os seus filhos, estende as suas asas, toma-os, e os leva sobre as suas asas.

Assim só o Senhor o guiou; e não havia com ele deus estranho.

A linguagem da Torá é muito poética. Mas, quando a Cabalá explica o que é a Torá, revela-se que não há poesia lá. Significa as forças que nos governam, nos conduzem através de todos esses estados: quando nos elevamos acima da tela e quando descemos abaixo da tela, e assim por diante.

Essas são ações muito graves, incômodas e pesadas que o Criador realiza em nós. E devemos participar delas.

A águia que “estende as suas asas, toma-os, e os leva” é a tela anti-egoísta que nos levanta cada vez mais alto.

A águia não carrega seus filhotes nas garras, mas coloca-os em suas asas e voa. É incrível, mas é exatamente o que acontece. Essa é uma ação especial de Bina quando ela eleva Malchut até ela e assim a protege das flechas egoístas que voam até ela de baixo.

De KabTV “Segredos do Livro Eterno” 30/01/17

Comente