Se Não Há Um Método De Correção – Não Há Judeus

Laitman_006Pergunta: De acordo com a ciência da Cabalá, quem detém o Monte do Templo e a Caverna de Machpelah?

Resposta: Eles pertencem ao povo judeu quando eles estão unidos. No entanto, hoje os árabes estão mais unidos do que nós. Que tipo de correção é possível quando as pessoas estão separadas?

A unificação das pessoas só é possível através do método da sabedoria da Cabalá; só ela pode unir a todos. As pessoas inclusive se orgulham por terem tantos movimentos e facções diferentes: Hassidim e “Mitnagdim”, Ashkenazi e Sefarditas, judeus ortodoxos e os “Kippahs tricotadas” de vários tipos, além de mais uma divisão em “alemães”, “marroquinos”, “romenos” e “russos”.

Isso apenas indica que não percebemos todos como irmãos, mas apenas como camaradas em dificuldades durante tempos difíceis. Nós somos como nozes em um saco que são forçadas a estar juntas porque a pressão externa as mantém em um saco.

Portanto, tais comoções acontecem no Monte do Templo. Eu vejo as forças da natureza por trás de todos os personagens atuando lá. Mas a natureza está em nossas mãos e nós criamos todos os eventos atuais com nossas próprias mãos. Portanto, não podemos esperar algo diferente, porque obviamente nada melhorou dentro de nós de ontem para hoje.

Alguém além da nossa organização fala sobre amor e unidade entre o povo de Israel? Todos riem de nós quando tentamos espalhar essa ideia de unidade através do rádio e dos jornais.

Eles concordam em publicar nossos artigos apenas por muito dinheiro porque falamos sobre o amor e quem precisa disso? No entanto, se escrevêssemos sobre o ódio e conflitos entre lados opostos, ficariam felizes em publicar isso de graça.

Não vale a pena esperar por uma boa vida nessa situação. Está escrito que todos os problemas decorrem da destruição de Jerusalém. Devido ao fato de que há cada vez mais destruição entre nós, os árabes estão ganhando força. Um é contra o outro, quando carecemos da unidade, eles se elevam. Eles só se tornam mais fortes devido à nossa separação. O principal não são as ações materiais, mas nossa falta de conexão.

O mais terrível é que o próprio povo de Israel começa a concordar com as nações do mundo de que não temos direito ao Monte do Templo e à terra de Israel. Se continuarmos dessa maneira, no final seremos informados de que não temos o direito de existir na Terra, como disse Hitler. Inicialmente ele queria expulsar os judeus da Alemanha, mas depois decidiu exterminá-los totalmente.

Se não percebemos a nossa missão de corrigir o mundo, verifica-se que não precisamos estar nessa Terra. O povo judeu é o condutor do método de correção. No entanto, se não o utilizarmos, se não houver método de correção no mundo, não há judeus. Este provavelmente é o próximo estágio e o mundo inteiro concordará com isso, como já aconteceu durante os tempos de Hitler.

Ninguém quer falar sobre isso agora, mas na verdade, todos concordaram com suas políticas. Ninguém protestou contra o extermínio dos judeus. Havia apenas alguns indivíduos extraordinários, os justos das nações do mundo, que ajudaram os judeus, arriscando suas próprias vidas. No entanto, havia apenas alguns deles.

É possível que o mesmo aconteça hoje, todos concordarão que os judeus não têm um lugar nesta Terra. Afinal, o povo de Israel existe exatamente para implementar o método de correção, especialmente no momento em que já são capazes e obrigados a fazer isso de acordo com o programa superior.

Comente