“Para Que Sejas Um Povo Santo”

laitman_746_03Torá, Deuteronômio, 26:18 – 26:19: E o Senhor hoje te declarou que tu Lhe serás por seu próprio povo, como Te tem dito, e que guardarás todos os Seus mandamentos. Para assim te exaltar sobre todas as nações que criou, para louvor, e para fama, e para glória, e para que sejas um povo santo ao Senhor teu Deus, como tem falado.

“Para assim te exaltar sobre todas as nações que criou”, significa elevar dentro de si a qualidade que se chama Yehudi (da palavra “Yihud” – adesão, conexão com o Criador) acima de todos os seus outros desejos chamados de nações.

Nós vemos isso na história. O povo de Israel nunca, mesmo nos melhores anos em que eles tiveram força, se envolveu em conquistas.

Somente nos tempos antigos, o rei Davi teve que proteger Israel dos inimigos. Depois, a chamada “Kibush David” foi realizada – a conquista dos territórios do Nilo até o Eufrates – para manter todas as tribos que os habitavam sob controle porque, de outra forma, essas tribos estariam constantemente atacando Israel.

Portanto, quando a Torá fala sobre o povo que é escolhido, louvado e glorificado, está se referindo ao trabalho para se anular. Então, você eleva a parte de Israel dentro de si mesmo que é dirigida ao Criador acima de todo o resto de suas partes egoístas. Isso se refere apenas ao estado interno de uma pessoa.

Além disso, trata-se de servir ao mundo para ser, como está escrito na Torá, a Luz ou, em outras palavras, um exemplo para todas as nações do mundo.

O mesmo se aplica ao Templo. Está escrito: “A minha casa será chamada de casa de oração para todos os povos” (Isaías 56:07). Afinal, desde a antiguidade, não só judeus foram para lá, mas absolutamente todos. Uma pessoa poderia ir até lá de qualquer lugar, para orar, perguntar algo ou participar das lições. É assim que muitos cientistas não-judeus surgiram entre nós.

De KabTV “Segredos do Livro Eterno” 11/09/16

Comente