Nova Vida # 815 – Da Externalidade Excessiva Ao Amor

Nova Vida # 815 – Da Externalidade Excessiva Ao Amor
Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Tal Mandelbaum ben Moshe

Resumo

Por que tendemos a perseguir luxos? Como podemos ver além das aparências, e como o amor nos permite ver a verdade?

Uma pessoa está disposta a fazer qualquer coisa para ser apreciada e respeitada, de modo que vivemos em uma cultura de mentiras.

Certo fenômeno deve ser intensificado para que possamos descobrir que ele é negativo. A educação pode nos ajudar a entender que existem coisas que parecem boas e doces, mas que são, na verdade, falsas e prejudiciais.

Somente o amor pode ser considerado um discernimento absoluto da verdade com o qual nos alinharemos. O amor pode nos aproximar da verdade porque exige nossa ascensão acima do ego e trabalhar para o bem de todos.

Quanto mais avançarmos em direção ao amor, mais deixaremos de respeitar as mudanças externas das pessoas. Por exemplo, um homem que é atraído por uma mulher bonita e depois descobre que ela o usou, a verá como feia.

Nós somos feitos de dois níveis, o nível animal e o nível humano, acima do qual temos que crescer.

A educação de toda a sociedade nos ajudará a adquirir novos valores em vez da falsa externalidade. A corrupção que está sendo revelada hoje nas conexões entre capital e poder nos forçará a avançar rumo à verdade.

Somente o amor nos permite ver a verdade, uma vez que muda a perspectiva de uma pessoa de pensar em si mesma para pensar no bem-estar do público.

De KabTV “Nova Vida # 815 – Da Externalidade Excessiva Ao Amor”, 19/01/17

Comente