Nova Vida # 775 – Assimilação

Nova Vida # 775 – Assimilação
Dr. Michael Laitman em conversa com Oren Levi e Yael Leshed-Harel

Resumo

Em nossos dias, as diferenças entre os judeus e outros povos tornaram-se turvas; tudo se tornou livre e aberto. Este é um processo que põe em perigo a existência do povo de Israel. Com a saída do jugo da religião, os judeus deveriam ter adotado a sabedoria da Cabalá. Como eles não fizeram isso, começaram a desaparecer.

Na verdade, desde o século XVI, nós precisávamos saber sobre a nossa sabedoria interior. Se não adicionarmos o desenvolvimento espiritual ao judaísmo popular, as pessoas vão desaparecer do judaísmo, porque um judeu só pode existir como um judeu religioso ou um judeu espiritual que aplica a sabedoria da Cabalá. Quando uma pessoa judaica é assimilada, o ponto judeu nela entra em coma.

Ser um judeu espiritual significa retornar à nossa raiz, corrigir a natureza humana, viver de acordo com a regra geral, “E amarás o teu amigo como a ti mesmo” (Levítico 19:18). Um judeu espiritual dá o exemplo de como podemos nos conectar com amor, acima do egoísmo de cada um. Se a tendência atual continuar, é especificamente os judeus no exterior que irão prejudicar a nação de Israel. Nos Estados Unidos, os judeus vão desaparecer completamente, com exceção de alguns grupos ultra ortodoxos.

No auge do nosso desenvolvimento, a humanidade alcançará um estado em que todos serão iguais e conectados, e o povo de Israel deve dar o exemplo disso. Se não fornecermos um exemplo como esse para o mundo, todo mundo vai nos pressionar com força e nos obrigar a fazer isso. Sem adicionar os valores da sabedoria da Cabalá, a espiritualidade, à nossa vida, estaremos sujeitos a desaparecer.

De KabTV “Nova Vida # 775 – Assimilação”, 10/6/16

Comente