União Concluída No Monte Sinai, Parte 3

Unity, The Way To A Good FutureOs discípulos continuaram a obra de Abraão e desenvolveram seu método. Mas, enquanto isso, seu egoísmo cresceu cada vez mais, o que significa que eles se tornaram escravizados por ele e encontraram-se no exílio egípcio. O maligno Faraó que os governa é revelado.

Isso não significa que eles se mudaram para o Egito fisicamente. Mas eles sentiram que a força do mal dentro deles tinha ganhado tanto poder sobre eles que não poderiam lidar com ela.

O egoísmo tornou-se muito mais poderoso do que a força do bem que foi deixada neles desde os tempos de Abraão, Isaque e Jacó. A força do mal entrou em erupção e foi impossível segurá-la.

Os filhos de Israel queriam se juntar, trabalhar em sua unidade e atrair a força do bem, mas não conseguiram. Isso lhes trouxe muitas dores e desencadeou lutas internas. Por fim, eles perceberam que deviam fugir dessa força do mal. Alegoricamente, é dito que os filhos de Israel fugiram do Egito, da escravidão do faraó.

Eles conseguiram se desconectar da força do mal, mas nada mais. Eles ainda não sabiam como atrair a força do bem. E apenas quando se desconectaram da força do mal é que atingiram a força do bem e começaram a revelar entre eles a sua presença escondida. A força do mal permaneceu, mas eles já sabiam como se proteger dela, ou seja, do ódio mútuo.

Eles perceberam que estavam em torno do Monte Sinai, uma montanha de ódio (Sina) e que lidar com essa força negativa só era possível através da revelação da força positiva.

Monte Sinai é uma montanha de ódio que se revela dentro de cada um de nós. Em cada pessoa neste grupo está a capacidade de criar uma força especial, um desejo, um anseio especial acima de seu ódio. Isso significa que elas se conectam entre si e sobem como Moisés, ou seja, Mashiach, aquele que as puxa (Moshech) do egoísmo e sobe a montanha.

Através dessa força comum, pelos seus esforços conjuntos, elas são capazes de superar seu ódio. Dessa forma, elas atingem a força positiva superior da natureza e sentem que ela criou e controla tudo. E ela também criou a inclinação ao mal na pessoa especialmente para que, através dela, através da força negativa que é oposta à força positiva do Criador, a pessoa revelasse a força do bem e existisse entre essas duas forças.

E quando elas se erguem acima de todo o seu ódio e alcançam o contato com a força superior, que é chamada de “Moisés sobe o Monte Sinai”, sentem que por causa desse fato seu egoísmo cresce ainda mais. Acontece que no momento em que uma das suas forças sobe ao topo da montanha, a segunda força constrói um bezerro de ouro em sua base.

No entanto, o fato principal é que elas descobriram a força do bem da natureza e a partir desse momento é possível estar em contato com ela.

De KabTV “Uma Nova Vida” 02/06/16

Comente