“O Fracasso Como Motor Do Sucesso”

Laitman_002Nas Notícias (Harvard Business Review): “Entre os antigos produtores de vinho há um ditado: ‘Para que a videira se torne bonita, ela deve sofrer’. Antes de obter um grande vinho, eles sujeitam a videira ao estresse, umedecendo o solo ao limite da sobrevivência do vinhedo. Após o vinhedo passar por um ‘teste’ como esse, as uvas produzem vinhos complexos, delicados e seletos.

“Nos idiomas japonês e chinês, o caractere para o termo ‘catástrofe’ tem o duplo significado de fracasso e novas possibilidades”.

Meu Comentário: Isso significa que o uso de estresse, até mesmo de desastres, desenvolve novas oportunidades de crescimento. Foi dito: “A quem o Criador ama, Ele envia dificuldades”.

A Cabalá explica isso de forma simples: como a nossa natureza egoísta é oposta ao Criador, à propriedade do amor, nosso objetivo na vida é mudar a nós mesmos para a equivalência com o Criador. O Criador nos envia adversidades que nos obrigam a mudar. Caso contrário, o ego não se moveria. Isso é perfeitamente observado na história do povo judeu.

Nossa metodologia da Cabalá nos ajuda a compreender de forma rápida e correta a pressão do Criador, e a usá-la para “novas oportunidades” de desenvolvimento em equivalência com o Criador.

Um Comentário

  1. O Criador nos ama, mas Ele nos ama demais para nos deixar do jeito que somos (estamos); Um diamante bruto tem que ser lapidado mesmo pelas Suas Mãos amorosas. Todá Haba Aba !
    Obrigado Dr. Michael Laitman !!!

Comente