A Natureza Não Está Enlouquecendo

laitman_762_2De vez em quando parece como se a natureza estivesse ficando louca, mas a verdade é que não é a natureza que está ficando louca; nós é que estamos ficando loucos. É hora de olhar no espelho e perceber onde temos errado e recalcular uma rota que inclua uma maneira de equilibrar o sistema.

Nós vivemos no sistema da natureza que inclui o nível inanimado, vegetal, animal e humano. Diferentes forças operam neste sistema e estão todas conectadas numa enorme rede. Qualquer movimento na rede afeta tudo.

O sistema da natureza é um sistema fechado, redondo e interligado, e, portanto, aspira constantemente a manter o seu equilíbrio. Este equilíbrio foi mantido mais ou menos até várias décadas atrás, e as pessoas viviam uma vida tranquila neste planeta que proporcionava tudo o que precisavam. Mas nós perdemos toda a restrição desde meados do século 20.

A poluição do ar, da água e da terra tornou-se parte da nossa vida diária; a Terra está se aquecendo; nossa comida está cheia de toxinas, e novas doenças se desenvolveram nas mentes e corpos. As normas que foram definidas para proteger a nossa saúde e os tratados internacionais para limitar a emissão de gases de efeito estufa foram quebrados uma e outra vez. Isto é o que acontece quando o dinheiro faz o mundo girar e as pessoas preferem fechar os olhos.

Nós temos perturbado o equilíbrio na natureza em todos os níveis e há um preço a pagar. Mudanças climáticas e desastres naturais começaram a nos golpear repetidamente.

A Rede Humana

Paralelamente a estes processos, as conexões entre as pessoas e entre os países também têm se desenvolvido. Indústria, comércio, economia, cultura e modos de comunicação transformaram o mundo numa aldeia global. Uma rede de laços infinitos foi tecida e criou uma interdependência mútua entre todos.

A fim de funcionar adequadamente nessa situação, existe a necessidade do tratamento mútuo positivo, mas isso é algo que não se desenvolveu. Nós poderíamos desenvolver sistemas de ajuda mútua e apoio entre as pessoas em todo o mundo e nos certificar de que todos se sintam bem e, assim, manter o equilíbrio, mas a nossa natureza egoísta não nos permitir compreender isso a tempo.

Uma lacuna cada vez mais crescente foi criada, uma lacuna entre a rede desequilibrada das conexões entre as pessoas e a rede equilibrada das forças que operam no sistema da natureza.

Nós Podemos Corrigir as Coisas

“Nosso planeta é rico o suficiente para fornecer a todos nós” (Rav Yehuda Ashlag, Baal HaSulam).

Embora tenhamos aparentemente cruzado a linha vermelha e o ponto de não retorno, podemos ainda corrigir as coisas. Nosso planeta pode ser reabilitado e tornar-se um ambiente agradável, florescente, uma casa própera para todos nós. Nosso planeta também pode alimentar dezenas de bilhões de pessoas, somente se aprendermos o que significa realmente viver como seres humanos.

Para fazer isso, temos que concordar em alguns pontos. Primeiro de tudo, temos que garantir que as coisas sejam boas para todos, não apenas para nós mesmos. Em segundo lugar, qualquer consumo além do que realmente é preciso para levar uma vida saudável e equilibrada destrói a nós e a nossa casa comum.

A coisa mais importante é o relacionamento entre as pessoas. Nós temos que aprender a equilibrar as nossas relações. Consideração mútua e não fazer aos outros o que é odioso para nós, tentando apoiar um ao outro e se conectar gentilmente, até que consigamos nos amar, e os nossos bons pensamentos sobre o outro curem o mundo.

“A subida e descida de cada parte da realidade depende da subida e descida do poder da mente do homem.” (Rav Kook, “Os Tesouros do Rav Kook”)

Laboratório de Desenvolvimento

Onde deve começar a onda positiva que vai lavar o mundo inteiro? Aqui em Israel. Por quê? Porque no fundo, dentro de nós, a grande regra “ama teu amigo como a ti mesmo” está impressa. A garantia mútua é o que nos tornou uma nação. É verdade, não será fácil, porque nós, Israelenses, também temos o maior ego do mundo, mas não há outra escolha. O mundo precisa da qualidade do Israel original, como o oxigênio.

Os grandes líderes espirituais da nossa nação têm desenvolvido a sabedoria da Cabalá, a sabedoria da conexão, a fim de nos ajudar no processo de correção do mundo. É um método científico que nos diz como receber a força positiva das profundezas da natureza, a força que pode equilibrar o mal no homem e ajudá-lo a conectar-se de forma positiva com o seu ambiente. Se aprendermos a nos relacionar bem com os outros, vamos acalmar a nós mesmos, a humanidade e o mundo inteiro, e o equilíbrio total será restaurado.

“Quando a humanidade atingir sua meta… ao atingir o nível completo de amor ao próximo, quando todos os corpos das pessoas no mundo se unirem em um só corpo e um só coração, tudo o que se esperava para a felicidade será revelado à humanidade em sua plenitude” (Rav Yehuda Ashlag, “Baal HaSulam”).

Comente