Feliz 5776º Aniversário!

Dr. Michael LaitmanPergunta: Segundo a religião, o homem foi criado 5.776 anos atrás, enquanto que de acordo com a ciência aconteceu mais de 200.000 anos antes disso. Quem tem razão na perspectiva Cabalística?

Resposta: A sabedoria da Cabalá não participa de tais debates. Ela estuda a natureza e nos fala sobre isso. A natureza é a mesma coisa que o Criador, e a sabedoria da Cabalá explora a força superior da natureza chamada Criador. A palavra “Criador” em hebraico (“Bore”) significa “Venha e veja”. Se nós exploramos a natureza corretamente, podemos alcançar o Criador e vê-Lo.

Assim, Rosh Hashaná (O Ano Novo Judaico) é o dia da revelação do Criador, da força superior. Este é o dia que a humanidade atingiu pela primeira vez a força superior, o mundo espiritual, a realidade superior da qual saímos para viver aqui neste mundo, de modo que seremos capazes de irromper nela novamente. Deste mundo, seremos capazes de alcançar o mundo superior.

Então vamos saber as respostas a todas as perguntas eternas: “Qual é o propósito desta vida? Qual é o seu significado? Para que existimos nesta terra e para que serve tudo isso? Isto não é uma mera busca de preenchimento porque estamos insatisfeitos com a vida, mas uma busca pelo objetivo para o qual fomos criados desde cima. A Cabalá nos ensina como nos voltar ao Criador, elevá-Lo e revelá-Lo. Então, todo o plano da criação é revelado a nós, incluindo o que aconteceu antes de sentirmos que existimos aqui neste mundo. É porque o nosso mundo é apenas uma estação intermediária entre o que aconteceu antes de nascermos e a estação de nosso objetivo futuro, onde chegamos depois de deixarmos este mundo.

Nós podemos subir para uma dimensão superior ou descer para uma inferior ao nosso nível neste mundo. A sabedoria da Cabalá nos permite fazer as duas coisas. Tudo isto está acessível para nós graças à sabedoria da Cabalá que foi revelada pelo primeiro homem que foi o primeiro ser humano a descobrir o Criador.

Do Programa da Rádio Israelense 103FM, 06/09/15

Comente