A UE: Da Miséria À Felicidade

laitman_220Nas Notícias (rg-rb.de): “O programa expresso pelo Ministro da Economia francês Emmanuel Macron balançou os políticos da União Europeia (UE): o tratado monetário deve ser reformado no sentido da solidariedade financeira; os países ricos devem financiar os pobres; esta é a única maneira de salvar a União Europeia.

“Se os países membros não estiverem prontos para transferências financeiras no tratado monetária, podemos esquecer o Euro e a União Europeia. As transferências devem ser realizadas e implementadas na estrutura de um orçamento único da União Europeia, onde a sua execução será coordenada de Bruxelas. Ele se opõe com veemência à política financeira ‘ortodoxa’ de Berlim”.

Meu Comentário: Há vozes que clamam por mais solidariedade e igualdade, mas isso não vai ajudar mais; a natureza está ativando o programa para ensinar as pessoas suas leis através de “golpes” (o caminho do sofrimento). O tempo para aprender suavemente as leis da natureza (o caminho da Torá), através da aprendizagem da sabedoria da Cabalá, está se esgotando.

Ao aspirar compreender o pensamento de natureza, aprendemos como fazer as coisas corretamente, sem erros, através das boas instruções dos Cabalistas. Isto é porque nós não podemos entender como a natureza é construída integralmente por nossa conta.

A razão é que nós nos “reunimos” numa sociedade humana através de um princípio egoísta oposto, por isso não podemos entender uma união (reunião) altruísta. Enquanto isso, nossa comunidade mundial está gradualmente se tornando mais integral e mais unida sob a influência das forças ocultas da natureza. Desta maneira nós nos tornamos como aqueles que não entendem o mundo em que vivem, como aqueles que não sabem como se orientar.

Comente