As Pirâmides De Maslow E Baal HaSulam

Laitman_115_05Nas Notícias (postnauka.ru): “…A singularidade da teoria de Maslow é que ela trata cada pessoa em termos de uma hierarquia (estruturas superordenadas) das necessidades, cujo ápice é a necessidade de autorrealização. Ela define a autorrealização como o desejo de um homem de autorrealização, de concretizar o seu potencial. Esse desejo de ser o que a pessoa deve ser.

“Além disso, como foi observado por Maslow, a autorrealização não é determinada pelas funções sociais, status, posição. Por exemplo, uma pessoa se autorrealizando como o pai perfeito, e outra como um atleta, e uma terceira como um artista, etc. No entanto, Maslow atribui ao ambiente social um papel significativo no desenvolvimento da personalidade.

“A base da pirâmide das necessidades é formada pelas necessidades fisiológicas: a necessidade de alimento, sono, etc. Acima destas necessidades estão as necessidades de segurança, estabilidade, liberdade do medo, ansiedade e caos, a necessidade de uma estrutura social e ordem. Acima da necessidade de segurança, Maslow coloca a necessidade de integração e de amor; e acima dela – a necessidade de respeito e reconhecimento. O topo da pirâmide, como já foi dito, é a necessidade de autorrealização.

“Uma das perguntas mais frequentes: Por que uma pirâmide? Maslow acreditava que apenas indivíduos alcançam o topo da pirâmide e se autorrealizam, ou seja, alcançam a sua identidade ou “eu”. A maioria das pessoas age no nível de satisfazer as suas necessidades fisiológicas. Parte da humanidade atende às necessidades fisiológicas e as necessidades de segurança, ou seja, sentir-se bem-alimentados, vestidos e abrigados; a outra parte, com exceção dessas necessidades, responde à necessidade de amor e integração. Depois há esse grupo de pessoas que atinge o nível de aceitação, confiança, um sentido da importância da utilidade privada”.

Meu Comentário: A pirâmide de Baal HaSulam é uma pirâmide de desejos corpóreos (comida, sexo, família), e desejos materiais, as necessidades de riqueza, honra, conhecimento social (desejos sociais). Depois, acima desses desejos, está o desejo de alcançar o sentido da vida, a fonte da vida, que aparece numa pessoa desde Cima, sob a forma de um Reshimo, um gene informativo do seu estado espiritual anterior. O Reshimo leva a pessoa a um professor, um Cabalista, e sob a sua orientação e instrução ela descobre os 125 níveis da realização espiritual, até atingir o topo da escada, o estado da correção completa do ego e da equivalência com a força superior.

Comente