Como Um Feixe De Juncos —Pluralmente Falando, Parte 5

Like a Bundle of ReedsComo um Feixe de Juncos, Por que Unidade e Garantia Mútua são Urgentes Hoje, Michael Laitman, Ph.D.

Capítulo 9: Pluralmente Falando

Afetando a Coesão Social Através do Ambiente Social

O Legado Do Guerreiro Deixado À Sua Descendência

Hoje, um número suficiente de pessoas compreende que o único modo de evitar uma catástrofe global é se unir. Isso pode ser chamado por outros termos, tais como “colaboração”, “coordenação”, ou “consideração”, mas qualquer que seja o termo, é justo dizer que já compreendemos que somos interdependentes e interconectados. Esta realidade cria uma situação onde estamos de fato unidos em todos os nossos sistemas globais. Contudo, na medida em que estamos conectados, estamos também emocionalmente alienados e rancorosos com a situação.

Uma maneira de resolver este contraste é tentar nos “desglobalizar”. Embora não haja dúvida que desmontar a corrente de abastecimento dos países em desenvolvimento e produzir tudo nacional causaria enormes desafios econômicos e financeiros, alguns dizem que valeria o preço. Talvez, mas valendo a pena ou não, ninguém nega que o isolacionismo teria um preço robusto. Além do mais, aos olhos de alguns, esta noção é completamente irrealista. O economista Mark Vitner, pessoalmente, descreveu a tentativa de desatar a interconexão global como “tentar reconstituir ovos mexidos. Não pode ser feito facilmente”. [i]

A opção contrária à desglobalização é abraçar a globalização, expandi-la, coordena-la, aperfeiçoa-la, e ao mesmo tempo aprender a se gostar para que todos se beneficiem da prosperidade. Tudo o que nós precisamos para alcançar isso é do método pelo qual mudamos nossos padrões de pensamento de eu (concentrado em mim mesmo), para nós (concentrado em todas as outras pessoas), para um (concentrado na sociedade como uma única entidade).

Hoje, praticamente 4000 anos depois da fuga de Abraão da Babilônia o mundo está pronto para escutar. Nós sofremos o suficiente, e nos tornamos demasiado espertos para pensar que podemos fazer isso sozinhos, que podemos mostrar à Mãe Natureza (ou a Deus) que não precisamos dela porque somos mais fortes e espertos.

[i] Associated Press, “A recessão provavelmente será a mais longa na era pós-guerra”, MSNBC (março de 2009), http://www.msnbc.msn.com/id/29582828/wid/1/page/2/

Comente