Será Que Nós Desaparecemos Nos Próximos Vinte Anos?

Opinião (Ashok Gadgil, Professor de Engenharia Civil e Ambiental, Diretor Adjunto, Divisão do Laboratório de Berkeley de Tecnologias de Energia Ambiental):

“A civilização moderna está enfrentando um sério risco de desaparecer nos próximos 20 anos. A razão é que a velocidade com que estamos consumindo recursos naturais excede a sua taxa de auto-reabastecimento.

“As mudanças climáticas são os primeiros sinais deste processo. Nosso dever é exercer uma abordagem composta ao abordar os riscos globais que enfrentamos atualmente. Nova economia deve ser baseada em nossa compreensão profunda de que os recursos da Terra estão quase acabados.

Causas: Aumentos da população mundial, juntamente com uma escalada contínua de consumo. Anteriormente, a população costumava ser pequena e estável. A longevidade das pessoas era relativamente curta e havia uma alta taxa de mortalidade infantil. As inovações técnicas trouxeram à vida novos recursos, permitindo, assim, o crescimento do número de pessoas. A população mundial aumentou significativamente após o início da cloração da água. A descoberta dos antibióticos aumentou o crescimento da população ainda mais.

Quando as mulheres não participam na vida social, há sempre mais crianças na família. A melhor maneira de controlar o crescimento da população é educar as mulheres.

A alfabetização é o primeiro e maior método de prevenção do crescimento excessivo da população.

A educação é o segundo elemento importante que ajuda a conter a flutuação climática. Se não sentirmos os limites dentro dos quais devemos continuar a expandir-nos, teremos de suportar catástrofes naturais até que elas nos erradiquem.

Esgotamento dos recursos é o terceiro perigo que enfrentaremos, até que mudemos o curso de nosso desenvolvimento. Isso também depende da educação: temos de perceber que o nosso planeta tem recursos limitados e temos que usá-los com moderação.

“Muitas pessoas pensam que as inovações técnicas resolverão estes problemas, mas a sua aplicação depende também da moralidade social e educação.

Cada espécie tende a crescer e prosperar; todas elas vivem em harmonia e são interdependentes. Apenas o ser humano esforça-se para aproveitar todo o território para seu próprio bem; tal comportamento não pode durar por muito tempo. Não temos outra maneira, mas encontrar o equilíbrio entre a Natureza e a nós mesmos. No entanto, muitas pessoas não pensam nas gerações vindouras; todo mundo está preocupado com o momento presente. Mais uma vez, este problema está relacionado com a nossa criação e educação!”

Comentário: A suposição está correta. A questão é como implementar isso em prática: nós temos que criar uma metodologia de educação integral e ensino. Apenas aquelas pessoas que tenham completado todos os níveis da natureza (cabalistas) podem vir com um sistema deste tipo. É por isso que a nossa principal tarefa é a de concluir o curso de estudos integrais e educação e oferecê-lo para os mais amplos círculos da humanidade.

[73407]

 

Comente