O Fim Da Hipocrisia

Dr. Michael LaitmanContato com o Mundo

Modernos meios de comunicação, incluindo computadores e smartphones, fornecem a capacidade de se comunicar com o mundo global. Isso muda completamente a minha perspectiva, eu posso tocar uma variedade de coisas como se pudesse influenciá-las. Posso entrar em contato com alguém e aprender tudo o que quiser.

Eu vejo o grande mundo e meu lugar nele. Eu encontro círculos sociais neste domínio geral e me estabeleço dentro deles. As pessoas me conhecem e eu as conheço.

Fóruns estão sendo criados, grupos de comunicação e plataformas de duplo objetivo para trabalho e lazer. Posso até sentar com alguém em um café virtual. Talvez meu hobby também seja implementado na vasta web.

Além disso, é barato e eu posso ter coisas que antes não podia. Por exemplo, materiais que eu leio ou vejo durante uma semana me custariam dezenas ou mesmo centenas de dólares.

Agora tudo está disponível e acessível. Minha percepção do mundo muda gradualmente, mostrando-me que estou conectado ao mundo e o mundo está conectado a mim.

Passos para a Verdade

Outro ponto é que enquanto estivermos trabalhando com a interface interativa, temos cada vez menos que falar e ouvir. O principal fluxo de informação passa pelo canal visual. Nisso, eu vejo o benefício de uma pessoa dar um peso superior ao pensamento e ao pensar. Afinal, ela opera numa conexão virtual. Sim, nós expressamos nossos pensamentos em palavras e símbolos, mas eles agora são mais específicos. Nós aprendemos a nos expressar mais claramente, e isso é bom.

Smartphones e computadores tornaram nossa comunicação mais direta e simples. Isto contribui para a riqueza de informações que abrangem todo o espectro, do belo ao aterrador. Nós deixamos as velhas capas falsas e, se você quiser, falamos uns aos outros sem reserva, sem escrúpulos, sem hipocrisia.

Uma tela de LCD tornou-se minha janela para o mundo e ao mesmo tempo me ensinou a ser sincero. As informações que são fornecidas a todos tornaram-se também disponíveis. Uma pessoa na Internet está desencapada, ou seja, jogou fora as vestimentas da mentiras, hipocrisia e fingimento. Política, mídia e relações familiares são todas desmascaradas e livres de fraude.

Assim, nós fizemos um grande avanço para a verdadeira essência. Ao que parece, todo mundo mente, mas é aí que a verdade existe. Esta compreensão é muito importante. Nós aprendemos quem somos. Reinicializar é a convenção do século passado, rejeitado é a etiqueta fictícia. Hoje nós somos muito mais francos. A geração mais jovem faz o que quer sem se preocupar com a opinião dos outros. E a geração mais velha sabe que não tem poder sobre a geração mais jovem.

Chegar ao Fundo e Não Deixar Pra Lá

Pergunta: Se nós inventamos uma tecnologia boa e útil, porque ela nos leva para a realização do mal? O que é esse mal?

Resposta: A tecnologia é boa, mas nossa natureza é má, egoísta. Ela divide e nos separa em direções diferentes. On-line, nós vemos nossa própria imagem em todos os lugares em nossas telas pequenas e grandes como se num espelho.

Nós estamos muito perto da realização do mal inerente em nossa natureza, em nosso estado, e o mais importante, em nossa incapacidade de fazer algo com ele. Enquanto chegamos ao fundo disso, toda a beleza deste momento reside em levantar as nossas mãos e não deixá-las cair quando começarmos à procurar soluções que não vêm de nós mas de outra fonte.

De KabTV “Uma Nova Vida” 20/01/15

Comente