Ver O Mundo Corrigido

Dr. Michael LaitmanPergunta: Ao retornar de Sochi existe o medo de se aderir aos amigos que não estavam lá, para não pegar vírus do mundo exterior deles. Como nós podemos superar essa distância e não nos sentir eufóricos por estar em Sochi, enquanto eles não estavam?

Resposta: Quando eu olho para todos com uma perspectiva externa, eu vejo que o grupo de Sochi é muito maior, mais unido e esclarecido do que os amigos que não estavam aqui.

Claro, eu não posso aderir a eles depois de Sochi. Por outro lado, o Criador me deu esse estado! Ele retrata essa imagem para mim. Mas, na verdade, eu tenho que olhar para o grupo como o rabino Yossi Ben Kisma que, como um grande Cabalista, viu o estado futuro de seus alunos que ainda era medíocre.

O futuro é realmente constante, o que significa que você pode ver que o mundo inteiro está corrigido mesmo agora. Todos estes estados existem no mundo espiritual! Eles são simplesmente retratados a nós numa determinada ordem de acordo com a nossa capacidade de percebê-los. Por isso se diz: “Eles têm olhos, mas não veem, têm ouvidos, mas não ouvem”.

Eu vou tentar olhar para o grupo a minha frente como um grupo maior do que o de Sochi, uma vez que em Sochi, eu vi um grupo avançado de acordo com meus atributos, enquanto aqui, eu vejo um grupo que não está corrigido de acordo com os mesmos atributos.

A pessoa julga de acordo com suas próprias falhas. Portanto, eu tenho que fazer um esforço para vê-los como maiores do que os de Sochi, e aderir a eles com a minha alma, ao mesmo estado que revelo neles como um estado superior.

Assim, uma nova oportunidade se abrirá para mim, mas já será o próximo nível superior, quando eu corrijo todo o ego que vejo em meus amigos pela minha atitude em relação a eles. Eu não vejo esse ego; eu já o vejo como corrigido.

Da Convenção em Sochi 25/08/14, Lição 2

Comente