Um Estigma Espiritual Que Não Pode Ser Apagado Ou Escondido

Dr. Michael LaitmanTodo judeu no mundo é uma criação versátil, complexa e complicada, e para estabilizá-lo corretamente, uma educação única para todo o povo é necessário.

Depois de milhares de anos de exílio, o povo de Israel se esqueceu quem é. Isso afeta a todos, começando pelos mais educados até as pessoas mais simples. Ninguém realmente entende o que é ser Israel. Quem é Israel? Qual é a origem do povo de Israel? O que aconteceu com ele no curso da história, e como ele se formou? O que aconteceu nos dias da destruição do primeiro e segundo Templos, quando o povo de Israel estava num nível espiritual? Qual é a altura espiritual que nós alcançamos, e por que pertencemos à espiritualidade?

O que é a Shevirah (quebra) pela qual passamos? O que foi a destruição dos Templos? O que é o exílio que não aconteceu com nenhuma nação do mundo, em nenhum lugar? Por que o povo de Israel é considerado como tendo estado no exílio até hoje? Afinal de contas, dois mil anos se passaram desde então! Por que, depois de todos estes anos, nosso povo não assimilou e desapareceu entre os outros povos?

Por que tantos problemas nos assombram hoje? Porque nós queríamos nos perder entre as outras nações, mas não tivemos sucesso? Porque que o antissemitismo continua a florescer em tempos iluminados? É de certa forma possível explicar esse fenômeno na Idade Média, em tempos bárbaros. Porém, de que forma, com todos estes desenvolvimentos de alta tecnologia, comunicações, educação e cultura, esses estereótipos absurdos sobre o povo judeu continuaram?

Nós devemos entender que o povo de Israel precisa de uma educação israelense-judaica que explique à pessoa quem ela é. Nós nunca vamos conseguir nos libertar do estigma do povo de Israel que prova que pertencemos a ele mesmo que nos escondamos nos confins da terra. Não faz diferença onde os judeus estão. Eles devem saber o que está acontecendo com o povo de Israel.

Até hoje, ninguém sabe disso! Mesmo que aprendamos a história e a geografia do povo judeu nas escolas, não sabemos nada disso. Isso porque toda a verdade é encontrada dentro da sabedoria da Cabalá para que o povo de Israel esteja ligado.

O povo de Israel é um povo espiritual que subordinado à lei espiritual que a sabedoria da Cabalá investiga. Portanto, nós estamos ligados a essa sabedoria e não podemos fugir dela. O povo judeu se reuniu em torno Abraão, de acordo com a raiz espiritual que nos obriga a unir, e, com a ajuda da unificação entre nós, alcançamos o poder superior.

O nosso povo foi fundado uma vez por este motivo. Assim, a lei, “E você deve amar o próximo como a si mesmo” pertence diretamente ao povo de Israel, e nós devemos existir de acordo com esta lei. Nós não temos nenhuma possibilidade de continuar a existir sem saber a verdade sobre nós mesmos, e para isso, devemos atingir a nossa fonte espiritual, pois toda a sua essência está especificamente nisso e não em fontes físicas como o resto da humanidade.

O povo de Israel é como alienígenas de outro mundo. Existem inclusive hipóteses antissemitas que suportam isso, porque as nações do mundo sentem que somos diferentes dos outros, e nós somos realmente diferentes, e viemos “de outro planeta”. Nós caímos do céu. A origem da nossa fonte é “do céu”, do mundo espiritual. Esta fonte está em nós e devemos descobri-la para saber por que as coisas estão acontecendo dessa forma, qual a sua origem, e por que ela nos persegue o tempo todo. Nós estamos na superfície da Terra com uma missão única. Assim, é impossível passar sem tomar conhecimento da sabedoria da Cabalá. É a nossa constituição, o sistema de conexões entre nós, o mecanismo, graças ao qual nós existimos e funcionamos. Além disso, sem a sabedoria da Cabalá, não podemos entender o que está acontecendo conosco.

Portanto, não importa para nós quem é contra e quem é sinceramente a favor de Israel; quem é a favor do o sionismo ou contra ele. Nós não sabemos o que fazer se não percebemos a nossa fundação, a conexão entre nós, o objetivo final, todo o processo de como chegar a esse objetivo, e o que estamos fazendo neste mundo, se não entendemos o nosso destino.

De KabTV “Uma Nova Vida” 14/08/14

Comente