Quem Vai Ensinar Ao Mundo Sobre O Amor Ao Próximo?

Dr. Michael LaitmanPergunta: Eu vejo exemplos de amor ao próximo em outras nações mil vezes mais do que em Israel. Então, por que você atribui o amor ao próximo a Israel apenas quando você acha que isso é algo único do povo de Israel?

Resposta: Eu estou dizendo apenas que o método para alcançar o amor absoluto é encontrado dentro da sabedoria da Cabalá. A sabedoria da Cabalá não pertence exclusivamente ao povo de Israel. No entanto, o grupo que saiu da antiga Babilônia no passado e foi composto por representantes de todas as tribos que viviam lá percebeu o método da Cabalá e transformou-se num único povo.

Em um determinado período da história, desde a construção do primeiro Beit HaMikdash (Primeiro Templo) até a destruição do segundo Beit HaMikdash (Segundo Templo), eles viveram de acordo com essas leis e depois caíram deste nível. Entre o povo de Israel existe um gene espiritual, uma memória interna (Reshimo), deste estado e de o método que torna possível atingir isso, ou seja, chegar ao amor ao próximo, encontra-se na sabedoria da Cabalá.

Pergunta: Será que este método pertence apenas aos judeus?

Resposta: Este método pertenceu ao povo de Israel no passado, e agora deve ser realizado através deste povo ao mundo inteiro, pois esse povo estava neste estado anteriormente. Eles o implementaram, e um Reshimo espiritual permanece neles. Portanto, agora, eles devem apresentar um exemplo para todo o mundo. Isto é o que se chama ser uma “luz para as nações”.

Pergunta: Será que isso significa que é possível ensinar Cabalá, amor ao próximo, em Gaza?

Resposta: Se nós transmitirmos o método da Cabalá à Gaza, e os palestinos tentarem implementá-la, nada vai dar certo para eles. Eles precisam de um exemplo; exige-se professores. Só os judeus podem fornecer este exemplo e os professores. Isso ocorre porque os judeus não são um povo. Em vez disso, eles são um grupo espiritual que já esteve nesse nível espiritual e caiu dele depois.

Assim, é impossível nos considerar como um povo regular e se relacionar conosco como com todos os povos. Somos um canal entre a força espiritual e o mundo físico. Nós temos a possibilidade de transmitir Luz a este mundo.

Segue-se que o povo de Israel tem uma missão educativa e social única em relação a toda a humanidade. Eles devem se tornar professores que ensinam o amor da humanidade de acordo com o método da Cabalá.

Pergunta: Será que isso significa que devemos amar a todos em igual grau, sem qualquer conexão com o povo que cada um deles pertence?

Resposta: Existe um método que desperta o amor ao próximo no coração da pessoa, mas ele deve entrar no uso geral através de um povo único que irá mostrar um exemplo a todos e levar toda a humanidade a sua implementação.

Pergunta: Se não há amor ao próximo em seu coração, o mesmo deve ser dirigido a todos sem exceção, não só aos judeus, mas também a todo o resto, incluindo também os palestinos em Gaza?

Resposta: Em última análise, é assim que vai ser. Isso significa que nós temos a esperança de que, em última instância, o mundo atingirá um amor tal que não haverá fronteiras entre os povos. Há um método que torna possível atingir isso. O povo de Israel deve gerir a sua realização no mundo.

De Kab TV “Uma Nova Vida” 14/08/14

Comente