A Ideia Mais Forte

Dr. Michael LaitmanDo folheto “A Única Saída”:

O povo judeu tem provado repetidamente que é possível amar o próximo como a si mesmo. Sim, isso durou pouco. Sim, breves períodos de amor fraterno foram substituídos por longos anos de ódio mútuo. Mas mesmo que fosse possível por apenas um mês, pelo menos por um dia, uma vez em mil anos, vale a pena abrir mão de tudo.

A humanidade sente inconscientemente a necessidade de respeitar este princípio ético. Julgue por si mesmo. O princípio que, na verdade, é impossível de seguir, é a base da nossa civilização!

Ama o teu próximo como a ti mesmo (a Regra de Ouro) nas religiões Abraâmicas, no Confucionismo, em antigas filosofias, e em inúmeras outras religiões do mundo é o princípio ético fundamental. “A Regra de Ouro”, Wikipédia: “A Regra de Ouro ou a ética da reciprocidade é um código de ética ou moral máximo que basicamente declara o seguinte:  a pessoa deve tratar os outros como gostaria que os outros a tratassem. A pessoa não deve tratar os outros da forma que não gostaria de ser tratada”.

E o antissemitismo? É simples. As nações do mundo precisam de um exemplo e não um exemplo de curta duração, não de algum lugar no passado, mas em curso e agora. Para seguir este princípio, não basta saber sobre isso de segunda mão. A pessoa deve vê-lo pessoalmente na sua frente.

Quem deve definir o exemplo? Claro, deve ser aqueles que trouxeram este princípio ao mundo. E o que acontece se eles não demonstram este exemplo? Se eles não sabem que devem estabelecer este exemplo? Se não sabem como fazer isso? Então, vem o antissemitismo.

Comente