Uma Nação Precisando De Sabedoria

Pergunta: Como seria uma nação que vive de acordo com as leis de garantia mútua?

Resposta: No futuro a humanidade será assim, vamos parar de criar mais produtos do que nós precisamos para existir.

A forma de existência será determinada pelos valores espirituais se tornando mais importantes do que os valores físicos. Se uma pessoa está em ascensão espiritual de todo o coração, então não é necessário muito para sua existência física, apenas um nível normal padrão, de modo a não se limitar.

Ela deve ser um pouco envolvida com o esporte, ela precisa de alimento, sono, uma família, tudo o que ela precisa será encontrado perto dela. Pode ser que ela precise de alguma roupa especial para ir até as pessoas e levar a cabo o seu trabalho, mas, pessoalmente, ela não precisa disso. Ela poderia desistir de tudo, mas porque o corpo físico existe, ela deve prover para si mesma.

E tudo além do que é exigido será sentido por ela como um fardo, como pressão. A humanidade irá gradualmente se aproximar de tal forma de existência. Em breve, vamos chegar a uma situação em que ainda iremos produzir um grande número de produtos, para os quais não há necessidade, mas aos poucos pararemos de comprá-los.

E as pessoas vão comprar menos, não porque elas terão menos dinheiro, ou seja, não devido a causas externas, mas devido a causas internas; elas simplesmente não terão o desejo. A atitude para com isso vai mudar repentinamente; vamos perder o interesse: “Bem, eu comprarei e o que isso me dará”?

O desejo vai diminuir e desaparecer completamente. Um desejo substituirá outro desejo. Na humanidade, um desejo espiritual deve ser descoberto, e, de fato, isto ainda está longe, mas já está começando gradualmente a neutralizar o desejo físico.

As pessoas compram cada vez menos. Veremos em breve, dentro de alguns anos, como as pessoas se tornarão cada vez mais indiferentes à aquisição material. Não é porque alguém os limita, mas simplesmente porque eles não sentirão uma necessidade para isto.

[134253]

Da 4ª parte da Lição Diária de Cabala de 4/5/14, Palestra sobre a Unificação da Nação.

 

Comente