Os Zeros E Uns Do Desejo

Dr. Michael LaitmanPergunta: Por que Reshimot (reminiscências) de Aviut (espessura) de um nível inferior 4/3, em vez de 4/4,são deixados no Partzuf (rostos) durante a sua purificação?

Resposta: Os Reshimot ficam menores, já que eu decido não tocar mais em tais desejos.

Depois que eu decido me purificar, de parar de trabalhar com o desejo, o meu Masach (tela) sobe para a Peh de Rosh, e, no caminho, há golpes da Luz. No final, os Reshimot do novo nível (4/3), que não estavam em mim antes, são revelados.

O sistema pelo qual nós trabalhamos com nossos Reshimot é como um computador em que existem apenas zeros e uns. Ele funciona apenas com os dados que estão nele em qualquer momento e não pensa sequer um passo à frente. No momento, estes são os dados que eu tenho e com os quais trabalho. No momento seguinte, novos dados serão exibidos e vou trabalhar com eles, novamente sem hesitação.

Este é o desejo de receber e ele só entende o que atualmente sente. Este preenchimento retrata o mundo, a si mesmo, e o Criador, e é com isso que a pessoa deve trabalhar, como está escrito: “Um juiz tem apenas o que seus olhos podem ver”.

Reshimot 4/3 se estabilizam somente depois que eu chego à Peh de Rosh, onde há uma Luz especial, Keter de Guf, e assim eu sinto como uma nova atitude para com o anfitrião surge dentro de mim.

Sentir a Luz de Ruach (espírito) em vez da Luz de Nefesh (alma) é como emergir como uma planta da natureza inanimada. É uma diferença enorme. Todo o universo é preenchido com matéria inanimada, enquanto que as plantas existem apenas na superfície da Terra. A planta é diferente da matéria inanimada por responder ao Criador, por ser atraída ao Criador por si só.

A diferença é muito maior entre um homem e um animal e é revelada no Partzuf só depois que todo o processo é concluído.

Da 3ª parte da Lição Diária de Cabalá04/05/14, Escritos do Baal HaSulam

Comente