Cinzas Dos Nossos Desejos

A Torá, ” Levítico ” (Tzav), 06:03 – 06:04: E o Cohen (sacerdote) deverá vestir a sua túnica de linho, e as calças de linho, sobre a sua carne. A deverá levantar as cinzas nas quais o fogo consumiu o holocausto sobre o altar, e as colocará em baixo junto ao altar. Depois despirá as suas vestes, e vestirá outras, e deverá levar as cinzas para um lugar limpo fora do campo.

A cinza simboliza a parte queimada do nosso desejo que não podemos corrigir (a quarta parte, Behina Dalet). E assim é retirada para fora do campo porque é impossível utilizá-la.

O campo refere-se aos quatro níveis de nosso ego, que incluem os idosos, as mulheres, as crianças, os Levitas e os Cohanim (sacerdotes). Ninguém está autorizado a usar o ego mais pesado que não possa ser corrigido. Mantém-se parte da natureza, mas não pode ser usado e portanto, é retirado.

É semelhante ao costume de deitar fora parte da pele após a circuncisão para a areia e nessa altura livrar-se totalmente dela. Isto significa que as partes que não podemos usar simbolizam os maiores níveis egoístas que não podem ser corrigidos, uma vez que não temos a Masach (tela) para isso, os poderes para lhes resistir.
[ 134819 ]

De KabTV  “Segredos do Livro Eterno ” 12/6/13

 

Comente