Na Fronteira Da Desconexão

Dr. Michael LaitmanPergunta: Quando é que uma pessoa sente que o Faraó suga o resultado do seu trabalho?

Resposta: Depois de várias subidas e descidas alternadas, a pessoa forma certa atitude em relação a elas. Ela está constantemente mudando e melhorando, e, finalmente, começa a apreciar as subidas e descidas, não em relação às subidas e descidas de seu estado de espírito, mas no que diz respeito à pureza do seu anseio pela meta.

Então, mesmo que ela esteja em um estado de descida, ela não o examina de acordo com seu estado de espírito, mas de acordo com quanto tempo ela pode ficar conectada ao Criador durante a descida e não ser separada Dele. Existem tais estados durante uma descida, quando a pessoa vê que não pode se agarrar à meta. Ainda assim, ela tenta se relacionar com a meta, embora falhe em fazê-lo; ou seja, não é uma desconexão total.

É realmente aqui que ela descobre o Faraó e onde sente a força interior que pertence a “algo a partir do nada”, que a puxa para baixo no pântano. O Faraó é revelado na fronteira entre um estado e outro, mas não é apenas uma descida.

Da 1a parte da Lição Diária de Cabalá 08/04/14, Shamati # 86

Comente