Uma Inundação De Luz Na Diferença Potencial Do Desejo

Dr. Michael LaitmanPergunta: Todas as minhas clarificações se relacionam apenas em relação à minha atitude perante o ambiente?

Resposta: Não existe outra maneira que consigamos ver a verdade excepto através do ambiente. Apenas sentimos a diferença entre desejos, mas nós não sentimos a Luz em si, assim como não sentimos ou conhecemos o que é a electricidade, mas podemos apenas medir o efeito de alguns fenómenos que passam através dos fios. De facto, nada vai pelos fios, mas simplesmente o imaginamos dessa maneira. É tudo a nossa percepção subjectiva e portanto apenas conseguimos distinguir as mudanças relativas.

Vemos estes dois estados: estado um e estado dois, mas a razão para as mudanças entre dois estados é a força que está encoberta para nós. Contudo, por estudarmos estes estados, aprendemos acerca da sua causa encoberta. Isto é chamado “pelas Tuas acções, iremos conhecer-Te”. Ele opera em nós, Suas acções são preenchidas em nós, e de acordo com estas acções podemos conhecê-Lo.

Isto significa que nós sempre sentimos e medimos nossos próprios vasos. Até a Luz de NRNHY é chamada pelos nomes que damos às mudanças nos nossos desejos.

Pergunta: Como podemos estar seguros que atingimos o fim da clarificação e que esta está certa?

Resposta: Podemos medir que é certa apenas em relação a outros: será que a minha atitude em relação a outros e a minha atitude em relação a mim mesmo muda a favor de outros? A atitude em relação a outros é um discernimento muito versátil porque aprendemos acerca da nossa atitude em relação ao Criador pela atitude em relação aos outros, uma vez que inclui toda a gente. Por corrigirmos os nossos 613 desejos e realizando 613 Mitzvot (mandamentos), atingimos um vaso que está totalmente corrigido de forma a doar e atingimos o fim da correcção. Mas estes 613 desejos são sempre externos a nós e operam em relação a outros.

Agora não conseguimos medir o nível e a intensidade da correcção que realizamos, mas mais tarde será crescentemente mais claro. Toda a correcção existe de forma a que doe exteriormente a mim, com cuidado aos vasos, desejos, fora de mim mesmo isso parece-me estranho. Por mudar a minha atitude em relação a eles, adquiro o atributo da doação fora de mim mesmo e descubro-o como uma percepção parcial do Criador.

Apenas os meus desejos e os desejos de outros participam nisto: um deles menos e outro mais, e a Luz Superior está num estado de repouso absoluto e preenche toda a criação. Eu coloco o meu vaso acima e os outros vasos abaixo, e a Luz flui de um para outro. Eu sinto que Luz me preenche e que corrente nos atravessa de acordo com as diferenças entre nossos níveis, o desfasamentos entre o potencial dos nossos desejos: NefeshRuach,NeshamaChaya, e Yechida.
[128295]

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá 24/2/14, Perguntas e Respostas com Dr. Laitman

 

Comente