Quantidade É O Determinante Em Nosso Mundo

Dr. Michael LaitmanSe Baal HaSulam tivesse se cercado de aliados, ele não teria tido medo de informantes, ele teria continuado seu trabalho escrevendo mais cinquenta artigos e continuado no caminho que determinou para si mesmo. Assim, ao invés disso, ele teve que deixar Jerusalém e ir para Jaffa, para alguma cabana se envolver na construção.

Ele realmente sofreu com a falta de energia. Pois no nosso mundo quantidade e não qualidade é o fator determinante. E isto é particularmente importante no nosso dia, quando estamos chegando à correção geral.

Baal HaSulam escreveu que a partir do final do século XX, a correção seria feita graças à disseminação da sabedoria da Cabalá para todos. Portanto, a disseminação é fundamental para nós e não simplesmente para aumentar os nossos grupos, mas sim, é fundamental porque sem isso não podemos construir um vaso para revelar a espiritualidade. Portanto, a disseminação é essencialmente a correção privada de todo mundo, indo e expandindo os limites da sabedoria da Cabalá.

Porque se não chegarmos a essas seiscentas mil pessoas que em todos os tipos de formas vão pertencer ao estudo da Cabalá, não poderemos atingir a intensidade mínima, através da qual é possível revelar o Criador. Essas condições não dependem de nós, mas correspondem à estrutura do sistema sobre o qual estamos aprendendo no Estudo das Dez Sefirot e na Introdução à Sabedoria da Cabalá. Portanto, nossa tarefa é a de expandir.

A fim de expandir e sair com força total em todas as direções, isso também depende de nós sermos fortes contra todas essas facções que realmente querem nos aniquilar, porque isso é contra a sua ideologia, a sua capacidade de lucrar mais, de ter mais sucesso no programa material. Em geral, isso acontece em todos os lugares neste mundo egoísta; cada um tem o prazer de alguém que é menos do que ele, até o ponto que seria melhor se o outro não existisse.

Portanto, nós precisamos entender que a nossa atividade em disseminação não é apenas uma espécie de hobby. Alguém que quer chegar à sensação de revelar o mundo espiritual entre nós deve entender que isso requer um vaso que seja apropriado no sentido quantitativo e qualitativo para essa Luz que deve ser revelada nele. Esta é a condição da lei de equivalência de forma.

Nós só precisamos ficar mais fortes para que ninguém possa se ​​levantar contra nós e tentar nos desviar do caminho. Nós precisamos nos tornar tão fortes que podemos divulgar abertamente a sabedoria da Cabalá e não em silêncio, onde nos escondemos de nós mesmos. Para isso, também precisamos nos ​​tornar fortes internamente, e isso depende da nossa intensidade em todo o mundo. Da mesma forma, precisamos nos tornar fortes no círculo exterior, onde temos muitos fãs e simpatizantes, pessoas que nos entendem e reconhecem mais. E por meio da expansão cada vez maior dos círculos, precisamos trazer o povo de Israel à correção.

Da Lição 19/03/14, Conversa Sobre Importância da Disseminação

Comente