A Fórmula Para Focar A Imagem

Dr. Michael LaitmanPergunta: Quando lemos O Zohar soa como música, mas ao mesmo tempo eu tento entender o significado das palavras e não esquecer a intenção correta. No entanto, é impossível se lembrar de tudo de uma só vez. O que é mais importante?

Resposta: Ao ouvir a voz agradável do leitor e apreciar a música do Zohar, é mais importante continuar pensando em meus próprios problemas, ou seja, continuar pensando em como eu posso alcançar o amor dos amigos, onde posso sentir alguma coisa em relação ao Criador.

O Zohar nos diz sobre o que foi revelado às pessoas que conseguiram se conectar. É muito simples: quando você se conecta de alguma forma, de repente você ouve; é como se você captasse uma onda de rádio e, de repente, a visse. Estes são os dois níveis de realização: Hassadim e Hochma, e eles escrevem sobre o que veem.

É assim que O Livro de Zohar foi escrito. Agora nós temos que tentar nos conectar como eles o fizeram, a fim de ver o que eles veem.

Nós vemos agora uma forma muito especial no nível deste mundo com o coração e a mente corpórea. É a forma da quebra infinita. Nós temos que tentar revelar a dependência da nossa atitude para com a sociedade, o Criador, e esta imagem. Isso significa que eu quero ver como a minha perspectiva do mundo e do jeito que eu sinto o mundo mudam, alterando a minha atitude para com a sociedade e o Criador com uma conexão cada vez mais forte.

Eu quero encontrar a fórmula de como conectar com mais força, ansiar pelo Criador, pela garantia mútua, fazer esforços durante o estudo para revelar a força que está entre nós e todo o mundo, para chegar a certo nível e revelar uma nova forma para nós.

Nós temos que começar a trabalhar nisso na prática. O Zohar nos leva a isso, mostrando-nos os estados e os eventos em que devemos entender o que os autores do Zohar revelaram: pessoas sentadas numa caverna no século II a.C., depois da destruição do Templo, quando a terra de Israel está desolada e todo mundo está num estado terrível, e eles ainda atingem níveis tão elevados de realização espiritual.

Veja os níveis sobre os quais eles escrevem: ​​Abraão, Isaac, Jacó, sobre todos os estados até o fim da correção; é toda a revelação do ódio e a revelação da adesão.

Da 1ª parte da Lição Diária de Cabalá 17/03/14, O Zohar

Comente