Do Desamparo Absoluto À Autorrealização

Dr. Michael LaitmanPergunta: Como é possível não fugir do trabalho espiritual quando você se sente vazio? Por um lado, o sentimento é desagradável e, por outro lado, entende-se que esta é a direção correta.

Resposta: A única ação que a pessoa pode fazer é fortalecer-se no ambiente certo. Isto é o que nós recebemos. Eu faço isso da maneira que posso, através de todos os tipos de atividades, sejam físicas, mecânicas, intelectuais, morais ou emocionais. Não importa como. Se não, grite ao Criador; isso é bom.

Agora, eles vão mostrar que você pode estar entre os amigos, sentar-se no meio deles, cantar junto com eles. Em seguida, vem a decepção. Depois disso, você vai começar a realizar algumas outras atividades, talvez não cantar, mas estudar junto com eles ou não, mas disseminar juntos. Você vai se decepcionar o tempo todo. Todo o tempo, você vai sentir que isso não basta estar misturado com eles, e isso ocorre até que você tenha, aparentemente, feito tudo e, apesar disso, você se sente vazio. Então, você vai começar a chorar e gritar, e com isso também, você vai gradualmente chegar à necessidade de se misturar com eles, mas você não está pronto para fazer isso sozinho, pois somente o Criador faz isso. Isso quer dizer, existe você, eles, e o Criador entre vocês. É isso, um casamento. É assim que isto funciona, mas de forma gradual.

Você vê que em cada distinção há a reunião gradual do potencial negativo, até que ele explode, e cada vez que explode, o último estado é a sensação de exaustão absoluta quando nada pode ajudar, exceto se voltar ao Criador. Se você já tem experiência prévia, de acordo com os estados deste tipo, você já pode determinar que estes são momentos apropriados para a realização.

Da Convenção em São Petersburgo “Dia Três” 14/07/13, lição 5

Comente