Presidente Alemão Pede Que A Grã-Bretanha Permaneça Na UE

Dr. Michael LaitmanNas Notícias (do The Financial Times): “O Presidente da Alemanha apelou na sexta-feira ao povo do Reino Unido para que permaneçam membros da UE, num discurso que pretendeu reagir ao eurocepticismo em todo o continente.

“’Prezado povo da Inglaterra, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte, caros novos cidadãos britânicos!’, declarou Joachim Gauck. ‘Gostaríamos que vocês ficassem conosco!’.

“Seu apelo ao orgulho britânico e patriotismo – ‘Durante a Segunda Guerra Mundial, seus esforços ajudaram a salvar a nossa Europa, que também é a sua Europa’, disse ele – sublinhou uma profunda preocupação em Berlim que um referendo no Reino Unido, prometido por David Cameron, primeiro-ministro, poderia ver uma votação britânica para sair da UE.

“Só seremos capazes de sobrepujar desafios futuros se trabalharmos juntos. Mais Europa não pode significar uma Europa sem vocês!”…

“Ele rejeitou as acusações de que a Alemanha estava tentando intimidar seus parceiros da UE, ou forçar suas ideias sobre eles, ao estabelecer as regras para a recuperação da crise da zona euro.…

“’Não se trata apenas de uma luta pela nossa moeda’, disse ele. A Europa estava enfrentando mais do que uma crise econômica. ‘É também uma crise de confiança na Europa como projeto político’.…

“‘Nós estamos juntos… paz e liberdade, democracia e estado de direito, igualdade, direitos humanos e solidariedade’”.

Meu comentário: Não é tarde demais para apelar à solidariedade e nem sequer ter concluído isso, apenas financeiramente? A raiz do problema é uma mudança gradual no programa que controla a humanidade. O programa está mudando gradualmente de egoísta para altruísta e requer que a humanidade se torne semelhante a ele e participe ativamente. A incoerência com o programa se manifesta como uma crise multifacetada.

A humanidade tem um método de reciclagem própria para se tornar semelhante ao novo programa. O método é chamado de educação integral. Enquanto a humanidade é teimosa, o programa está sendo introduzido cada vez mais em nosso mundo, em todas as suas formas, e por isso a crise é sentida mais forte no dia-a-dia. Vamos esperar que as palavras sobre igualdade, direito e assim por diante se tornem significativas e desejáveis, em vez de vazias.

Comente