Tocar O Fundo E Subir Imediatamente

Dr. Michael LaitmanNosso avanço nos últimos 2.000 anos de exílio foi de um caráter diferente. A nação de Israel perdeu gradualmente o nível espiritual de Galgalta ve Eynaim (GE) que tinha, tornou-se cada vez mais misturada com as “Nações do mundo” e desceu ao nível corporal. Na Cabalá, este processo é chamado a “descida das gerações”. Falamos sobre descer ao longo dos degraus do nosso mundo do estado em que ainda há certa iluminação da espiritualidade, até a parte mais inferior onde é escuro.

Estas são as leis da natureza: tudo depende da relação entre a Luz superior e as Reshimot (genes espirituais) abaixo. Hoje quando a descida terminou e a ascensão está diante de nós, então podemos determinar estas relações quando mudamos o coeficiente da fórmula; em outras palavras, quando inserimos o elo, a medida da equivalência de forma, entre a Luz e as Reshimot.

Durante o exílio, não podíamos fazer isso; assim, tudo aconteceu no seu tempo. Não é por acaso que os Cabalistas sabiam e escreveram sobre o tempo quando este período precisou acabar. As Reshimot descenderam mais e mais, cada vez mais profundamente dentro do desejo egoísta, e tornaram-se “mais grossas” a ponto de “sobrecarregar do coração”.

No entanto, hoje, a descida acabou, e vemos isso de acordo com o mundo circundante: todas as áreas da vida estão à beira da falência. Família, educação, cultura, finanças, negócios e mesmo religião – hoje tudo é penetrado com egoísmo desenfreado e agudo.

Assim, passamos por 2.000 anos de muito trabalho. O mundo avançou e Israel descendeu de seu grau espiritual, e aqui, quando o mundo está desmoronando sob os golpes da crise, estão “face a face.” A conexão correta, a combinação correta entre as “nações do mundo” e Israel foi criada. E agora é possível começar a subida. O estado atual é desejável e altamente produtivo.

Da 4ª parte Lição Diária de Cabalá 14/01/13, Escritos do Rabash

Comente