Preparar-se Para A Próxima Subida Agora!

Dr. Michael LaitmanNós temos que respeitar o sentimento de impotência, escuridão, indefinição e confusão. Diz-se: “Respeite os filhos dos pobres, visto que a Torá virá deles”. São esses pobres que não têm nada, que sentem um vazio crescente em seus corações e mentes, que são incapazes de se concentrar e encontrar o seu caminho em torno destes estados, que estão preparando seus vasos onde irão receber a Torá, a Luz que revela a eles todos os discernimentos espirituais.

Portanto, o principal é se acostumar a estudar na escuridão e na luz. Isto é simbolizado na tradição dos Cabalistas de iniciar seus estudos à meia-noite. Isso é o que os Cabalistas fizeram ao longo dos tempos, e até mesmo rei David costumava se levantar à meia-noite para “despertar a aurora”. É porque à meia-noite o Zivug (acoplamento) de Aba ve Ima superior começa, a fim de despertar os vasos para receber a Luz.

Se a pessoa quer alcançar a Luz, o estado é chamado de “dia”. Ela tem que tentar e despertar os vasos para receber a Luz em seu estado mais baixo e mais escuro, quando está “dormindo” e não sente a si mesma.

Nós ainda não percebemos esses discernimentos, mas logo aprenderemos como discerni-los, a fim de ver tudo na escuridão e na Luz, e saber como usar cada estado de forma mais clara e mais consciente. O principal ponto agora, após a subida atingida na Convenção, é não deixar o trabalho em tais ocasiões, que não são realmente compreendidas, não são agradáveis, e não nos satisfazem.

Esses tempos surgem para que possamos enfrentá-los, e apesar da sensação de peso nos nossos desejos egoístas, que não entendem a escuridão, nós permaneceremos em conexão e ascensão e, assim, construiremos os vasos para a próxima subida.

Da Preparação para a Lição Diária de Cabalá 22/01/13

Comente