Para Romper O Casulo E Entrar No Mundo Espiritual

Dr. Michael LaitmanPergunta: Que tipo de preparação interna precisa ser feita antes da Convenção das Mulheres?

Resposta: A fim de quebrar a barreira entre nós, para amenizar de alguma forma a situação, é preciso realizar um workshop com o grupo ou algum tipo de evento, a fim de sentir que, em certa medida, é possível facilitar a tendência para a construção de uma relação: não se sentar longe um do outro e mergulhar dentro de si mesmo, mas sair de si mesmo, subir um pouco acima de si mesmo, para fora em direção aos outros, e depois vamos encontrar o nosso vaso (Kli) espiritual.

É uma clara emoção feminina quando estou dentro de mim, “eu dentro de mim mesmo”. Com os homens isso não se destaca tanto. Por um lado, as mulheres superam isso com mais dificuldade, e por outro lado, mais facilmente, uma vez que é mais fácil para elas determinar onde se encontra este “casulo” dentro delas. Uma mulher sente muito claramente que é “eu dentro de mim mesmo”, enquanto que um homem não. Até que um homem chegue a este “casulo” leva-se muito tempo.

Assim, eu sugiro que as mulheres realizem várias reuniões, discussões sobre o assunto. Poderia ser um workshop. Eu acho que isso vai ser o suficiente para pelo menos começar a sair de si mesmas. E depois, durante a Convenção, vamos falar sobre isso e lidar com isso.

Pergunta: O que você aconselharia às mulheres que entendem a importância de sua presença na Convenção, mas preferem não ir fisicamente lá? Como é possível ajudá-las a superar este “casulo”?

Resposta: Eu acho que a pessoa precisa simplesmente decidir e trabalhar em si mesma, sem prestar atenção aos que a rodeiam: “Nós temos que fazer isso agora!” e começar a agir, constantemente tentando romper a casca de isolamento. Você vai ver o quanto é difícil, por um lado, mas, por outro lado, os golpes constantes de dentro deste “casulo” o quebrarão no final. Mas, inevitavelmente, a pessoa deve fazê-lo! Sem isso, não vamos sentir que estamos no mundo espiritual que se encontra fora de nós, além do limite do “casulo”.

Da Lição Virtual 06/01/13

Comente